Mais
    Agora MT Economia Black Friday não terá muitas novidades e ofertas limitadas
    BAIXA PRODUTIVIDADE

    Black Friday não terá muitas novidades e ofertas limitadas

    Com baixa produtividade das indústrias e importação prejudicada por dólar alto, comércio vai ter de se virar com estoques antigos

    FONTE
    VIA

    Imagem: Produtos a serem vendidos na Black Friday Black Friday não terá muitas novidades e ofertas limitadas
    Produtos a serem vendidos na Black Friday – Reprodução

    A expectativa do comércio brasileiro é usar a Black Friday de 2021 para desovar estoques antigos. Com a baixa produtividade das indústrias, dificuldades logísticas e importações prejudicadas pelo dólar alto, a data de promoções do fim de novembro não será de grandes ofertas ou lançamentos.

    A assessora econômica da Fecomércio-SP (Federação do Comércio de São Paulo), Kelly Carvalho, diz que os problemas estruturais que já se mostraram em 2020, durante a pandemia de Covid-19, agravaram-se neste ano.

    “Assim como no ano passado, continua complicado renovar os estoques porque as indústria não conseguem atender a demanda”, diz. “Para piorar, o que chega ao mercado está mais caro, por causa do dólar alto.”

    Ela conta que inúmeras encomendas encalharam porque faltam contêineres e espaço nos aviões de carga porque as importações de todos os outros produtos cresceram.

    Kelly explica que itens de forte apelo na Black Friday, como os eletroeletrônicos, não vieram em  quantidade suficiente para as promoções. “Quem tem algo para vender, não pode reduzir o preço, porque pagou alto.”

    Na opinião de Kelly Carvalho, a situação de agora é ainda pior que a de 2020. “O ano passado foi favorecido pelo boom do comércio eletrônico, estimulado pelo fechamento do comércio”, analisa.

    Em 2021, além de não ter o mesmo impulso do e-commerce, o cenário de incertezas econômicas tende a dificultar as compras dos brasileiros.

    “Vamos ver uma Black Friday com menos apelo aos supérfluos. É uma realidade triste, mas veremos promoções de alimentos, roupas e itens de primeira necessidade, porque é o que muitos consumidores podem pagar e precisam no momento”, analisa a economista.

    “A população está sem renda, é elevado o nível do desemprego. Definitivamente, será uma data para bens não duráveis e semiduráveis. Não é hora de grandes investimentos”, finaliza.

    Relacionadas

    Servidores de carreira realizam primeiro ato durante inauguração de creche

    Desde a decretação de estado de greve por parte dos servidores públicos concursados do Município de Rondonópolis e o anúncio de mobilizações como estratégia...

    Policiais do Bope salvam recém-nascido engasgado e desacordado

    Policiais militares do Batalhão de Operações Especiais (Bope) realizaram um ato heroico ao salvarem um bebê recém-nascido, de apenas 17 dias, que estava se...

    Revalida 2022: resultado da primeira etapa do exame é divulgada pelo Inep

    Os participantes da edição deste ano do Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituição de Educação Superior Estrangeira (Revalida) já podem...

    6 filmes incríveis para assistir sozinho (a)

    Vai passar o fim de semana sozinho em casa, mas já está cansado de escolher filmes para assistir? Deixa que eu te ajudo!  Separe a...

    Polícia Civil instaura inquérito para apurar crime de estupro de vulnerável contra adolescente de 13 anos

    A Delegacia da Polícia Civil em Colniza, na região noroeste do estado, instaurou inquérito para apurar o suposto crime de estupro de vulnerável praticado...

    Bolsonaro afronta STF e TSE e diz que nunca vai ser preso

    O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou, nesta segunda-feira (16), que nunca será preso, insinuou que o PT tem conhecimento sobre o resultado das eleições presidenciais deste ano,...

    Enem 2022 | Inscrições para a prova começam hoje

    As inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) começam hoje (10) e vão até o próximo dia 21. Nesta edição, os interessados...

    “A luta real sempre foi por preservar, mas também fazer justiça a quem já produzia lá bem antes de ser parque”, diz Janaina

    A deputada estadual Janaina Riva (MDB), presidente em exercício da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, comemorou o fato de finalmente a situação da Serra...

    Privatização da Petrobras é a ‘libertação contra os monopólios’, diz Sachsida

    Em primeiro ato como ministro de Minas e Energia, Adolfo Sachsida entregou nesta quinta-feira (12) o documento em que solicita formalmente a realização de...

    Especiais

    Últimas

    Editoriais

    Siga-nos

    Mais Lidas