Mais
    AgoraMT Notícias Milhões de aranhas voadoras e venenosas infestam os EUA
    INVASORA

    Milhões de aranhas voadoras e venenosas infestam os EUA

    A espécie conhecida com o Joro é endêmica no leste asiático e já é considerada invasora no estado da Geórgia

    Imagem: aranha invasora Milhões de aranhas voadoras e venenosas infestam os EUA
    Os padrões de teia da espécie são um tanto bagunçados-REPRODUÇÃO/UNIVERSIDADE DA GEÓRGIA

    Uma espécie asiática de aranhas gigantes e venenosas se tornou invasora dos ecossistemas dos Estados Unidos. As Trichonephila clavata, conhecidas como aranhas Joro, são ainda capazes de utilizarem correntes de vento e planarem por até 160 km, com o auxílio de uma espécie de balão feito de teias.

    Na Ásia, as Joro são encontradas em todo o Japão, China, Taiwan e ambas as Coreias. As patas atingem cerca de 7 cm de comprimento e possuem essas cores chamativas, que as tornam atrativas e apreciadas entre a população do leste asiático.
    Mas, desde 2014, começaram a ser vistas na Geórgia, nos Estados Unidos, onde provavelmente chegaram clandestinamente em contêineres vindos da Ásia.

    Como é uma especialista em se espalhar, mesmo longe do próprio território, rapidamente foi vista em várias partes da região e hoje sua população nos EUA é estimada em “milhões”, segundo um estudo da Universidade da Geórgia.

    Atualmente elas são facilmente reconhecidas no estado, graças às teias grandes e com padrões bagunçados, feitas em tantos locais quanto possível — algumas são vistas em caixas de correio, varandas e até linhas de energia.
    Com todos esses indícios, os estudiosos afirmam que “elas vieram pra ficar” nos EUA. A probabilidade que elas já estejam se espalhando por outros estados é muito grande.

    Apesar do tamanho e das cores assustadoras, os especialistas demonstram otimismo com a invasão das Joro.

    A entomologista da Universidade da Geórgia, Nancy Hinkle, afirmou ao USA Today que as Joro podem ajudar a conter pragas, como moscas, mosquitos e percevejos.

    Além disso, o veneno dela não é perigoso para humanos ou animais de estimação, como cães e gatos. Na verdade, Nancy afirma que elas não parecem “interessadas em morder humanos” e às vezes suas picadas não chegam a romper a pele.
    Para ajudar os moradores locais a estenderem o tapete de boas-vindas para animais tão assustadores, os estudiosos afirmaram que até agora não identificaram nenhum efeito negativo causado pela presença delas no país.

    E a maioria delas deve morrer ainda em novembro, mas deixarão para trás milhões de ovos, o que deve aumentar ainda mais o número de exemplares da espécie presentes no país.

    Relacionadas

    DISCORDÂNCIA

    Moro critica trocas em comissão que analisa PEC da 2ª instância

    Pré-candidato à Presidência da República pelo Podemos, o ex-juiz Sergio Moro mostrou preocupação com o andamento da votação da PEC da segunda instância, em tramitação na...
    DEVIDO O PANDEMIA

    STF suspende despejos até março de 2022 em todo o país

    A maioria dos ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) votou por suspender até março de 2022 as ações de despejo de famílias carentes no país. A Corte validou uma decisão...
    VIDA DOS FAMOSOS

    Deolane Bezerra arma barraco com Rainha Matos na Farofa da Gkay

    Acostumada a responder na lata a quem não gosta dela, Deolane Bezerra, viúva de MC Kevin, armou um barraco com Rainha Matos, dona de...
    PREMIAÇÃO

    AL reconhece trabalho social do Instituto Professora Coraci e entrega premiação para entidade

    A Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso, em parceria com o Coletivo Herdeiras do Quariterê, premiou o Instituto Professora Coraci com o 1º...
    GENIAL/QUAEST

    Avaliação do Governo Bolsonaro sobe e Lula mantém liderança, diz pesquisa

    Nova pesquisa divulgada hoje (08) pela Genial Investimentos e Quaest Consultoria indica que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) continua liderando as...
    DIA 15 DE DEZEMBRO

    Após atender mais de 100 mil pessoas, Central de Vacinação será desativada

    A Central de Vacinação que funciona no estacionamento da Secretaria Municipal de Saúde em uma grande tenda será desativada a partir do dia 15....
    INFRAESTRUTURA

    Governo investe R$ 468 milhões em obras no Norte e Noroeste do Estado

    O Governo de Mato Grosso anunciou, nesta segunda-feira (07.12), investimentos na ordem de R$ 468 milhões para as regiões norte e noroeste do Estado....
    IBGE

    Abate de frangos e suínos no Brasil registra recorde, diz IBGE

    O país registrou recordes nos abates de frangos e de suínos no terceiro trimestre deste ano, segundo informações divulgadas hoje (8) pelo Instituto Brasileiro...
    VAGA POLÊMICA

    Vereador discute com suplente e diz que retomará cadeira na Câmara

    O vereador Ozeas Reis (PP) anunciou hoje (08) que vai antecipar sua volta à Câmara Municipal de Rondonópolis. Ele havia pedido afastamento por 121...
    TÃO ESPERADA

    Black Friday da Reserva Feita viagens está de volta

    A Reserva Feita Viagens já é famosa por oferecer sempre ótimas promoções de viagens o ano todo com o diferencial de proporcionar aos clientes...
    SINTA A NOSTALGIA

    Loja Kimera Geek aposta em experiência especial e monta ambiente totalmente inspirado em filmes e séries

    Já pensou em entrar em uma loja e se sentir dentro da sua série, jogo, anime ou filme preferido. Esta é a experiência que...
    MUDANÇA DE VIDA

    Contadora de Rondonópolis deixa escritório e ensina a ganhar dinheiro com marketing digital

    Muitas pessoas depois que se formam veem na profissão um caminho para a vida toda, mas foi em uma mudança de profissão que a...
    EFICIÊNCIA E SEGURANÇA

    Ferrovia estadual trará benefícios ao produtor e impacto positivo na economia do Mato Grosso

    Mesmo com os desafios impostos pela pandemia, o agronegócio em Mato Grosso manteve-se alta no último ano. Dados da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab),...

    Editoriais