Mais
    Agora MT Notícias Arthur Lira critica governadores e cobra Senado sobre preço de combustíveis
    REDES SOCIAIS

    Arthur Lira critica governadores e cobra Senado sobre preço de combustíveis

    Lira disse que o Senado 'engavetou' uma proposta aprovada pelo deputados que alterava regras para a mudança da cobrança do ICMS para segurar a alta nos preços

    FONTE
    VIA

    Imagem: Presidente da Camara Arthur Lira PP AL Arthur Lira critica governadores e cobra Senado sobre preço de combustíveis
    O presidente da Câmara, Arthur Lira, vê ‘manobra eleitoreira’ na atitude dos governadores e cobra pressa ao Senado – Divulgação

    O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), usou as suas redes sociais neste domingo (16) para culpar o Senado e os governadores pelos altos preços dos combustíveis. Também disse que os chefes dos executivos estaduais cobram agora soluções visando às eleições de outubro deste ano.

    Lira disse que a Câmara dos Deputados chegou a aprovar uma proposta que alterava regras para a mudança da cobrança do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) para segurar a alta nos preços, mas a proposta acabou engavetada na Casa legislativa vizinha.

    A manifestação acontece após os estados anunciarem que vão descongelar o valor do ICMS cobrado nas vendas de combustíveis, marcado para o final deste mês. Dessa forma, o descongelamento do imposto deve acontecer como previsto inicialmente, em 31 de janeiro.

    A previsão é que o preço da gasolina suba nos próximos dias.

    A escalada de preços virou um dos principais problemas para o presidente Jair Bolsonaro (PL), que reiteradamente afirma que tributos locais contribuem para a alta. O preço dos combustíveis, no entanto, segue a paridade internacional. Quando o petróleo sobe, o preço sobe, e vice-versa. Além disso, o dólar, hoje em alta, impacta nos valores.

    “A Câmara tratou do projeto de lei que mitigava os efeitos dos aumentos dos combustíveis. Enviado para o Senado, virou patinho feio e Geni da turma do mercado”, escreveu o presidente da Câmara dos Deputados.

    “Diziam que era intervencionista e eleitoreira. Agora, no início de um ano eleitoral, governadores, com Wellington Dias à frente, cobram soluções do Congresso. Com os cofres dos Estados abarrotados de tanta arrecadação e mirando em outubro, decidiram que é hora de reduzir o preço”, completou.

    O deputado ainda acrescentou que os governadores haviam apresentado resistência a reduzir as alíquotas do ICMS. E concluiu jogando a responsabilidade final ao Senado.

    “Podiam ter pressionado ainda ano passado. Por isso, lembro aqui a resistência dos governadores em reduzir o ICMS na ocasião. Registro também que fizemos nossa parte. Cobranças, dirijam-se ao Senado”, escreveu Lira.

    O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), e o governador do Piauí, Wellington Dias (PT), ainda não se manifestaram sobre as publicações de Arthur Lira.

    Relacionadas

    Novos cartões do ‘Ser Família Emergencial’ começam a ser entregues nesta terça em Rondonópolis

    Começam a ser entregues amanhã (17) e seguem até sexta-feira (20) os novos cartões do programa ‘Ser Família Emergencial’ em Rondonópolis. O programa é...

    Safra de café 2022 pode chegar a 53,4 milhões de sacas

    A estimativa da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) para a produção de café é de 53,4 milhões de sacas, na safra deste ano. O...

    Brasil tem mais pessoas à direita do que à esquerda, aponta estudo

    O Instituto DataSenado realizou nova rodada de pesquisa nacional Panorama Político, que tem série histórica aplicada desde 2008, para avaliar a opinião dos brasileiros...

    5 dicas para melhorar a imunidade antes do inverno

    Quando chega o frio, é comum que o número de pessoas contaminadas por diferentes vírus também aumente. Afinal, quando a temperatura cai, o ar...

    Da toga ao banco dos réus

    O ex-juiz Sergio Moro vive seu inferno astral na política. Depois de ver o ministro Ricardo Lewandowski, do STF, mencionar em seu voto no...

    Onda de frio deve provocar geada e neve no Sul do Brasil

    A onda de frio que chegou com força ao Sul do país na noite de segunda-feira (16) deverá provocar geada e neve em alguns...

    Idoso de 70 anos é acusado de estuprar menina de 11 em Rondonópolis

    Um caso de estupro de vulnerável contra uma menina de apenas 11 anos foi registrado ontem (15) em Rondonópolis. Até a confecção do Boletim...

    Jovem é preso com revólver 357 pela equipe RAIO da PM na Vila Operária

    Um jovem, 26 anos, foi preso na tarde deste sábado (14) na Vila Operária em posse de um revólver calibre 357 e mais 6...

    Trabalhadores nascidos em junho podem sacar até R$ 1 mil no FGTS

    Trabalhadores nascidos em junho já podem sacar até R$ 1 mil das contas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) a partir...

    Especiais

    Últimas

    Editoriais

    Siga-nos

    Mais Lidas