Mais
    Agora MT Notícias Moro diz que continua candidato a presidente e contra 'foro especial'
    DÚVIDAS

    Moro diz que continua candidato a presidente e contra ‘foro especial’

    Informações de bastidores dão conta que Sérgio Moro pode desistir da disputa presidencial caso não supere a barreira dos 15% de intenções de voto em pesquisas até fevereiro

    FONTE
    VIA

    Imagem: sergio moro Moro diz que continua candidato a presidente e contra 'foro especial'
    Sérgio Moro diz não temer investigação do TCU e mantém candidatura a presidente – Foto: Reprodução

    O ex-juiz Sérgio Moro, também ex-ministro da Justiça do Governo Bolsonaro, negou hoje (03)  que esteja pensando em desistir da disputa pela Presidência da República. Ele também comentou a investigação realizada pelo Tribunal de Contas da União (TCU) e disse que fará sua defesa sem precisar dos benefícios do chamado ‘foro privilegiado’.

    As declarações foram feitas à colunista Carolina Brígido, que divulgou informações dando conta que Moro e o partido dele, o Podemos, avaliam recuar da disputa caso não pontue melhor nas pesquisas sobre a sucessão presidencial.

    “Interlocutores próximos de Moro afirmam que, se ele não chegar a 15% nas enquetes até fevereiro, vai abandonar a intenção de assumir o lugar de Jair Bolsonaro e abraçará a meta de ser senador em 2023”, afirmou a colunista.

    Sérgio Moro negou a informação numa nota. “Sou pré-candidato a presidente e não ao Senado”, afirmou.

    INVESTIGADO
    Na semana passada o TCU determinou a divulgação dos valores pagos ao ex-juiz pela empresa Alvarez & Marsal, que atuou como administradora judicial da Odebrecht, empreiteira investigada pela Lava Jato – e, portanto, alvo de decisões quando Moro conduzia os processos em Curitiba.

    Sérgio Moro foi contratado pela empresa após deixar o Ministério da Justiça, mas manteve em sigilo os valores envolvidos na transação. Ele saiu da empresa para se filiar ao Podemos e iniciar a divulgação da pré-candidatura à presidência.

    O subprocurador-geral do Ministério Público junto ao TCU, Lucas Furtado, que pediu a investigação, suspeita que Moro tenha atuado em um cenário de “conflitos de interesses, favorecimentos, manipulação e troca de favores entre agentes públicos e organizações privadas”.

    Conforme Carolina Brígido, a hipótese da disputa ao Senado foi levantada como uma forma de garantir foro especial ao ex-juiz caso a investigação resulte em processo. Moro descartou essa possibilidade.

    “Não tenho receio de qualquer investigação, muito menos a de Ministro do TCU sobre fato inexistente”, disse ele.

    Relacionadas

    Telegram faz acordo com TSE e vai alertar sobre notícias falsas

    O Telegram firmou parceria com o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) e vai passar a alertar usuários do aplicativo sobre notícias falsas divulgadas no canal,...

    Deolane diz sofrer preconceito em Alphaville: ‘Me mandam voltar para a favela toda hora’

    Deolane Bezerra, viúva de MC Kevin, falou sobre sua vida de ostentação em entrevista ao canal no YouTube do apresentador Maurício Meirelles, nesta segunda-feira...

    Acidente entre duas motos deixa mãe e filha feridas em Rondonópolis

    Um acidente entre duas motos deixou mãe e filha feridas, na noite desta segunda-feira (23), no bairro Cascalhinho, em Rondonópolis-MT. Na motocicleta Honda Titan Fan...

    Inscrições do Enem 2022 se encerram neste sábado

    As inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2022 terminam às 23h59 deste sábado (21). Já no primeiro dia, o exame registrou...

    Guerra na Ucrânia chega a 3 meses com rastro de destruição, refugiados e civis mortos

    A guerra na Ucrânia completa nesta terça-feira (24) três meses desde a ordem de invasão do país dada por Vladimir Putin. Classificado pelo presidente...

    Da toga ao banco dos réus

    O ex-juiz Sergio Moro vive seu inferno astral na política. Depois de ver o ministro Ricardo Lewandowski, do STF, mencionar em seu voto no...

    Em recado ao agro, Lula lembra securitização, cita Blairo e desafia Bolsonaro

    O ex-presidente e pré-candidato ao Planalto em 2022, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) segue sem improvisos em seu discurso. Ao contrário, depois das...

    Saque do FGTS é liberado a 3,5 milhões neste sábado; veja quem recebe

    Mais 3,5 milhões de trabalhadores terão o saque extraordinário de até R$ 1.000 do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) liberado neste...

    Número de acidentes em rodovias federais cresce e Brasil registra 5 mil mortes

    O número de acidentes e de mortes em rodovias federais cresceu em 2021, na comparação com 2020, interrompendo uma série de quedas consecutivas observadas...

    Especiais

    Últimas

    Editoriais

    Siga-nos

    Mais Lidas