Mais
    Agora MT Destaques PC desvenda esquema milionário de lavagem de dinheiro
    OPERAÇÃO MANDATÁRIO

    PC desvenda esquema milionário de lavagem de dinheiro

    Força-tarefa de Segurança Pública cumpriu 51 mandados judiciais em MT e MS

    FONTE
    VIA

    Imagem: FORCA TAREFA PF E PC PC desvenda esquema milionário de lavagem de dinheiro
    Dinheiro apreendido – Foto: PJC

    Há quase um ano começaram as investigações que culminaram na Operação Mandatário, deflagrada pela Força-Tarefa de Segurança Pública (FTSP-MT) para o cumprimento de 51 mandados judiciais que resultaram no sequestro de diversos bens móveis e imóveis, apreensão de dinheiro em espécie e joias e bloqueio de contas bancárias no valor de até R$ 5 milhões. As ordens judiciais foram cumpridas entre a segunda e esta terça-feira (18).

    Entre os imóveis sequestrados estão um apartamento em edifício de alto padrão e um prédio com 20 quitinetes. De acordo com a investigação conjunta realizada pela Polícia Civil e Polícia Federal em Mato Grosso, os imóveis e veículos sequestrados eram utilizados para lavar o dinheiro proveniente de atividades ilícitas praticadas por uma facção criminosa.

    Os mandados expedidos pela 7ª Vara Criminal da Comarca de Cuiabá foram cumpridos em cidades dos estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul e miram integrantes do núcleo contábil e financeiro da maior facção criminosa presente em Mato Grosso. Seis investigados foram presos preventivamente e um em flagrante.

    Modo de agir

    O nome da operação faz menção à pessoa de confiança de um dos líderes e tesoureiro da facção, que também teve mandado cumprido durante a operação. O suspeito atuava como braço direito e era responsável pela execução das ordens do tesoureiro nas ruas, recolhimento de dinheiro, ou seja, atuava como mandatário do criminoso.

    O principal alvo da operação foi preso com mais de meio milhão de reais em espécie e se passava por advogado, mesmo sem ter concluído o curso de direito. Ele era responsável por recolher semanalmente o dinheiro em bocas de fumo e de outras atividades ilícitas. Depois era feita a contabilidade dos valores e o lucro distribuído entre os líderes da organização criminosa.

    De acordo com o delegado da Polícia Civil de Mato Grosso, Frederico Murta, um dos responsáveis pela investigação, a força-tarefa chegou também a outros alvos, entre eles um contador e empresários, que atuavam na lavagem, camuflagem e aplicação do dinheiro da organização criminosa.

    O contador era responsável pela abertura de empresas utilizadas para lavar o dinheiro da facção e fornecia contas bancárias para que que os criminosos pudessem fazer movimentações rápidas, a fim de não deixar vestígios que pudessem atrair a fiscalização. As empresas eram criadas para movimentar vultosas quantias de dinheiro e logo depois, encerradas, com o intuito de burlar a investigação. Quando os órgãos de fiscalização detectavam as movimentações atípicas, as empresas já estavam encerradas.

    Outra modalidade exercida pela organização criminosa para a lavagem do dinheiro era a locação e compra e venda de veículos, que eram adquiridos em nome de terceiros, inclusive advogados. Com a operação, foram sequestrados 15 veículos de diversos modelos.

    Conforme a Força-Tarefa neste período de quase um ano de investigação, foi apurado que a organização também lavava o dinheiro com a aquisição de patrimônio, entre eles imóveis, como casas e apartamento. Entre os imóveis sequestrados estão um apartamento em um edifício de alto padrão e um prédio com 20 quitinetes.

    Sequestro de bens e apreensões

    Além dos veículos, foram sequestrados sete imóveis e efetuadas 10 ordens de bloqueio de contas bancárias e de investimentos totalizando um valor estimado em cerca de R$ 10 milhões de reais.

    Foram cumpridos ainda 12 mandados de busca e apreensão em residências, empresas e em um escritório de contabilidade. Durante as buscas, além de documentos, foram apreendidos uma arma de fogo, joias de alto valor e mais de meio milhão de reais em espécie.

    Força-Tarefa

    É composta em Mato Grosso pela Polícia Federal, Polícia Civil, Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal e Sistema Penitenciário e tem por objetivo realizar a atuação conjunta e integrada no combate ao crime organizado no estado.

    Relacionadas

    Finlândia e Suécia apresentam pedidos de entrada à Otan

    Finlândia e a Suécia formalizaram nesta quarta-feira (18) o pedido de adesão à Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte) com a entrega das...

    Prefeito inaugura Centro Municipal de Educação Infantil no Residencial Pedro Casaldaliga

    A inauguração do Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Enézio Machado Vieira no Residencial Pedro Casaldaliga aconteceu na manhã desta quarta-feira (18), em Rondonópolis...

    Projeto do Executivo que prevê complemento salarial a ACS e ACE é aprovado na Câmara

    Foi encaminhado à Câmara de Vereadores o Projeto de Lei de autoria do Poder Executivo que concede o abono salarial aos 408 Agentes Comunitários...

    Operação cumpre mandados contra suspeitos de tráfico de drogas

    Investigadores da Delegacia Especializada de Roubos em Furto (DERF) com apoio da Delegacia de Homicídios e Delitos Gerais cumpriram cinco mandados de busca e...

    Ciclone Yakecan causa estragos no Litoral, mas se afasta do RS

    Após causar estragos especialmente no Litoral, o ciclone Yakecan começou a perder força no início da madrugada desta quarta-feira. O "olho" da tempestade se...

    PM instaura inquérito para apurar conduta do policial que dirigia viatura envolvida em acidente

    Mônica Louisa de Paula, 22 anos, morreu no último domingo após se envolver em um acidente de trânsito, em Primavera do Leste-MT. A jovem...

    Agentes da PRF são mortos a tiros na BR-116 por homem que queria tomar armas

    Dois agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) foram mortos a tiros na manhã desta quarta-feira (18), na BR-116 no estado do Ceará. De acordo...

    Acidente entre ônibus e carreta na BR-163 deixa 11 mortos até o momento; feridos estão sendo socorridos

    Pelo menos 11 mortes foram confirmadas até o momento no grave acidente envolvendo um ônibus de transporte e uma carreta no km 799 da...

    PRF apreende cerca de 500 quilos de pasta base e cocaína em fundo falso de carreta

    A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu na tarde desta quarta-feira (18) na BR-070, em Barra do Garças, cerca de 500 quilos de pasta base...

    Especiais

    Últimas

    Editoriais

    Siga-nos

    Mais Lidas