Mais
    Agora MT Destaques Governo de Mato Grosso já executou 50% da obra do novo Hospital...
    R$ 55 MILHÕES

    Governo de Mato Grosso já executou 50% da obra do novo Hospital Central

    Construção do hospital, que ficou parada por 34 anos, deve ser concluída em 2023

    Fonte: GOVERNO
    VIA

    Imagem: Hospital Central Governo de Mato Grosso já executou 50% da obra do novo Hospital Central
    A unidade deverá ser entregue em 2023 – Foto: assessoria

    O Governo de Mato Grosso já executou cerca de 50% da obra do Hospital Central de Alta Complexidade, localizado em Cuiabá. Até momento, foram investidos cerca de R$ 55 milhões na realização do projeto, aproveitando a estrutura que esteve abandonada por mais de três décadas.

    Redesenhado pela atual gestão, o novo projeto é executado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES), com total de 32 mil m² de área construída, sendo que os 9 mil m² do prédio antigo são aproveitados.

    “Retomamos a obra com o compromisso de entregarmos à população uma unidade de saúde totalmente moderna e de qualidade. Esta é só uma das dezenas frentes de trabalho que estão em andamento na Saúde. Nosso objetivo é promover um atendimento ágil e eficiente aos usuários do SUS. Para isso, é imprescindível que os hospitais estejam bem estruturados e com equipes capacitadas”, destaca a secretária estadual de Saúde, Kelluby de Oliveira.

    Já foram realizados procedimentos de sondagens, terraplanagem, fundações, demolições, rede de esgoto, superestrutura metálica, laje, cobertura metálica, alvenaria e recuperação estrutural.

    Na obra, está em andamento o muro de alvenaria, muro de arrimo, cabine das subestações, instalação da rede de gás medicinal, instalações de água fria e esgoto, drenagem, infraestrutura das instalações elétricas de baixa tensão e cabeamento estruturado, rede de hidrantes de combate incêndio, construção da Central de Água Fria, impermeabilização e contra piso armado. A unidade deverá ser entregue em 2023.

    Por meio do Hospital Central, o Estado estima oferecer 1.990 internações, 652 cirurgias, 3.000 consultas especializadas e 1.400 exames por mês. O novo projeto para a unidade prevê dez salas cirúrgicas, 60 leitos da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 230 leitos de enfermaria. A unidade hospitalar de alta complexidade disponibilizará um total de 290 leitos voltados para o atendimento de toda a população mato-grossense.

    Dentre as especialidades previstas para o Hospital Central estão Cardiologia, Neurologia, Vascular, Ortopedia, Otorrinolaringologia, Urologia, Ginecologia, Infectologia e Cirurgia Geral.

    Histórico

    A construção do Hospital Central, lançada em 1984, foi pensada com o objetivo de proporcionar um atendimento de referência em alta complexidade nas especialidades de traumatologia, ortopedia, além de urgência e emergência de trauma. Contudo, a obra foi paralisada em 1987.

    A atual gestão do Governo de Mato Grosso apresentou um novo projeto para a estrutura do Hospital Central em novembro de 2019. Depois do anúncio, foi lançado o edital e seguidos os trâmites licitatórios. A assinatura do contrato para o início das obras ocorreu em outubro de 2020.

     

    Relacionadas

    Agentes da PRF são mortos a tiros na BR-116 por homem que queria tomar armas

    Dois agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) foram mortos a tiros na manhã desta quarta-feira (18), na BR-116 no estado do Ceará. De acordo...

    Idosa é resgatada após 72 anos em situação análoga à escravidão

    Uma idosa foi resgatada após ter passado 72 anos trabalhando em condições análogas à escravidão em uma casa na zona norte do Rio. O...

    Brasil precisará de 9,6 milhões trabalhadores qualificados na indústria até 2025

    O Brasil precisará qualificar 9,6 milhões de pessoas até 2025 para atender necessidades projetadas pelas indústrias, de forma a repor inativos, atualizar funcionários ou...

    Privatização da Petrobras é a ‘libertação contra os monopólios’, diz Sachsida

    Em primeiro ato como ministro de Minas e Energia, Adolfo Sachsida entregou nesta quinta-feira (12) o documento em que solicita formalmente a realização de...

    Fundações lançam curso gratuito para ajudar quem deseja estudar fora do país

    Estudar fora do país é o sonho de muitos estudantes, mas as dúvidas sobre as formas de acessos são inúmeras. Com objetivo de responder...

    Prefeitura fará entrega de sopão e cobertores à moradores de rua

    Equipes da Secretaria de Assistência Social de Várzea Grande realizam hoje (18), a partir das 18h, a entrega de sopão a moradores em situação...

    Secretário falta e reunião de comissão da AL é cancelada

    Convidado pela Comissão de Infraestrutura Urbana e de Transportes da Assembleia Legislativa, o secretário estadual de Infraestrutura, Marcelo Padeiro, não compareceu à reunião marcada...

    Mudanças climáticas levam brasileiros a viajar de maneira mais consciente

    As estadias sustentáveis estão ganhando visibilidade e, cada vez mais, as pessoas estão conscientes delas - é o que revela o Relatório de Viagens...

    Homem é assassinado e suspeito é espancado por amigos da vítima

    Um homem identificado como Igor Ferreira de Lira morreu após ser atingido por vários dissipados de arma de fogo, na Avenida Beira Rio, na...

    Especiais

    Últimas

    Editoriais

    Siga-nos

    Mais Lidas