Mais
    Agora MT Editoriais O que ganho com isso?
    EDITORIAL

    O que ganho com isso?

    FONTE
    VIA

    Imagem: AGORA COM LUCIANE ASSINATURA O que ganho com isso?A qualidade de vida que você tem não é determinada pelo que está acontecendo contigo, mas pelo que você faz com o que te acontece.

    É você quem decide como se sentir ou agir, baseado nas maneiras que escolheu para perceber a vida. Nada tem significado algum a não ser aquele que você lhe dá.

    Explico melhor: ninguém tem o poder de te fazer feliz ou te deixar triste, você quem escolhe ficar feliz ou triste. Se você é uma pessoa mais aberta a mudanças, com inteligência emocional claro que sofrerá menos interferência de fora, ou seja, das pessoas em relação ao seu estado emocional. Agora se você é uma pessoa que não busca autoconhecimento, não sabe gerir suas emoções, vai ser mais influenciado pelo que o outro faz ou deixa de fazer.

    Talvez você queira mudar coisas em você, por exemplo: ser mais comunicativa, tornar-se mais saudável ou ganhar mais dinheiro, ter um relacionamento duradouro, etc. Você pode conseguir todas essas coisas, basta que esteja aberta a mudanças, faça diferente do que esta fazendo agora e trace um plano para alcançar isso.

    Mas o interessante é que muitos são os fatores que não nos deixam mudar, um deles são os ganhos que temos de permanecer do jeito que estamos. Parece louco pensar que a pessoa tem um ganho de permanecer gorda, sem saúde, ou depressiva, de permanecer sendo mal tratada… não é mesmo? Mas o pior de tudo que sim, tem um ganho inconsciente que faz com que permaneçamos anos com a mesmo postura, com a postura de vitima no mesmo lugar .

    O que ganha com isso?

    Pessoas com depressão ou que estão acima do peso ou com outras características não tem incentivo para mudarem por acreditarem que de alguma forma tem um ganho emocional para permanecer  da forma como está.  Ganhos de atenção ou de preencher um vazio.

    Os ganhos nos fazem permanecer sem agir até que você descubra que na verdade não existe ganho de fato, mas a ilusão dele. Como seria se buscasse ter atenção convidando amigas para tomar um café, para um bate papo descontraído ao invés de ficar refém de suas dores presa a fatos passados que te causa somente sofrimento?

    Que tal preencher o vazio existencial com uma boa caminhada ao sol ao lado de uma companhia agradável?

    As coisas não mudam, nós mudamos. Se você quer viver a vida dos sonhos é necessário que comece a construí-la já. Um passo de cada vez.

    E seguimos assim ressignificando os acontecimentos que nos causam sofrimentos a fim de viver de forma leve e feliz.

    Até a próxima. Deus te abençoe.

    Relacionadas

    Dia após dia

    A ansiedade é, certamente, um dos males de nossa geração. Os especialistas afirmam que ela decorre de uma outra síndrome, a do pensamento acelerado....

    Da toga ao banco dos réus

    O ex-juiz Sergio Moro vive seu inferno astral na política. Depois de ver o ministro Ricardo Lewandowski, do STF, mencionar em seu voto no...

    A rifa tucana

    O ex-governador de São Paulo, João Dória, está sendo rifado pelo próprio partido, o PSDB, que busca construir com o MDB e o Cidadania...

    Especiais

    Últimas

    Editoriais

    Siga-nos

    Mais Lidas