Agora MT Notícias Prazo para emitir ou regularizar título termina quarta-feira
ELEIÇÃO 2022

Prazo para emitir ou regularizar título termina quarta-feira

A data vale também para idosos e pessoas com mobilidade reduzida solicitarem a transferência do local de votação para uma seção acessível

Quem quiser votar nas eleições 2022 tem até a próxima quarta-feira (4) para emitir ou regularizar o título de eleitor. Esse é o prazo legal para que a Justiça Eleitoral conclua o cadastro de todo o eleitorado apto a votar em outubro.Imagem: ebc Prazo para emitir ou regularizar título termina quarta-feiraImagem: ebc Prazo para emitir ou regularizar título termina quarta-feira

Imagem: TITULO DE ELEITOR
Foto: AGORAMT

O mesmo prazo vale para quem quiser transferir o domicílio eleitoral, mudando o município onde vota, bem como para incluir o nome social no título de eleitor – no caso de pessoas transsexuais e travestis. A data vale também para idosos e pessoas com mobilidade reduzida solicitarem a transferência do local de votação para uma seção acessível.

Assim como em todo ciclo eleitoral, a busca por regularizar a situação do título tem aumentado com a proximidade do fim do prazo, o que levou a Justiça Eleitoral de diversos estados a ampliar o horário de funcionamento dos cartórios eleitorais.

Vale lembrar, contudo, que todos os procedimentos relativos ao título de eleitor, incluindo a emissão do documento pela primeira vez, podem ser realizados inteiramente online, sem a necessidade de sair de casa, por meio do Atendimento Online ao eleitor.

Por meio da internet é possível, por exemplo, pagar multas eleitorais atrasadas e solicitar a revisão de dados no caso de título cancelados. De acordo com a Justiça Eleitoral, mais de 6 milhões de títulos foram cancelados de 2018 a 2021.

Isso pode acontecer, por exemplo, quando o eleitor não comparece à votação nem justifica a ausência por três eleições consecutivas, apesar de se enquadrar nos critérios de obrigatoriedade do voto.

Contudo, quem teve o título cancelado por ter faltado à revisão do eleitorado e à coleta de biometria em seu estado não precisa se preocupar. No mês passado, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) suspendeu os efeitos do cancelamento devido à continuidade da pandemia de covid-19. Dessa maneira, os eleitores nessa situação poderão votar normalmente em outubro.

Para verificar e resolver pendências relativas ao título, o eleitor deverá ter em mãos documentos como cadastro de pessoa física. Em alguns casos é necessário tirar fotos de rosto e de documentos, entre eles RG e comprovante de residência, para solicitar determinados procedimentos. Todas as informações estão disponíveis no portal da Justiça Eleitoral.

O prazo limite para emitir ou modificar informações relativas ao título de eleitor é decorrente da Lei das Eleições, que prevê o fechamento do cadastro eleitoral 150 dias antes do pleito. Neste ano, a data do fechamento é 5 de maio.

Relacionadas

Governo Federal cria sala de situação para acompanhar queimadas na Amazônia e no Pantanal

A ministra do Meio Ambiente e Mudança do Clima, Marina Silva, anunciou nesta sexta-feira (14) a criação de uma sala de situação para acompanhar...

Operação contra crimes ambientais resulta na apreensão de nove tratores

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) apreendeu nove tratores em uma operação contra crimes ambientais realizada na região de Juara, entre os...

Idosa de 79 anos fica ferida após ser atropelada por motociclista em cruzamento

Uma idosa de 79 anos ficou ferida após ser atropelada por um motociclista de 20 anos, no cruzamento da rua Rio Branco com a...

Perdas por furto de energia são suficientes para abastecer o Brasil por quase um ano

Nos últimos 17 anos, o Brasil registrou uma perda de 500 TWh (terawatt-hora) de energia por furtos e fraudes na rede elétrica, segundo dados...

Caixa libera abono do PIS/Pasep para nascidos em julho e agosto

Cerca de 4,26 milhões de trabalhadores com carteira assinada nascidos em julho e agosto podem sacar, a partir desta segunda-feira (17), o valor do...

Jovem de 24 anos fica ferido após ser esfaqueado pela ex-companheira de 28 anos

Um jovem de 24 anos ficou ferido após ser esfaqueado pela ex-companheira na noite da última segunda-feira (17), no bairro Santa Rosa, em Cuiabá-MT....

Correção monetária do FGTS entra na pauta do Supremo nesta quarta-feira

O Supremo Tribunal Federal volta a julgar nesta quarta-feira (12) o processo que discute a correção monetária do Fundo de Garantia do Tempo de...

Vigilante condenado por estupro de vulnerável é preso pela Polícia Civil

Um vigilante condenado pela Justiça por estupro de vulnerável, foi preso pela Polícia Civil, nesta terça-feira (11), no município de Barra do Garças-MT. Com a...

Bebê que usou embalagem de bolo como máscara de oxigênio é transferido para UTI

Um bebê que estava usando uma embalagem de bolo como máscara de oxigênio conseguiu uma vaga na UTI do Hospital Infantil Varela Santiago, em...

Especiais

Últimas

Editoriais

Siga-nos

Mais Lidas