Agora MT Notícias Justiça manda mãe de Henry Borel voltar para a cadeia no Rio
MORTE DO FILHO

Justiça manda mãe de Henry Borel voltar para a cadeia no Rio

Acusada da morte do filho, Monique Medeiros teve a prisão preventiva substituída por liberdade com monitoramento em abril

Fonte: R7

Imagem: Mae de Henry e Jairinho Justiça manda mãe de Henry Borel voltar para a cadeia no Rio
Jairinho e mãe de Henry – Foto: Reprodução

A Justiça do Rio determinou, nesta terça-feira (28), que a mãe do menino Henry Borel, morto em março de 2021, volte para a cadeia. Acusada da morte do filho junto com o ex-namorado Jairinho, a professora Monique Medeiros estava em liberdade, com monitoramento eletrônico, após ficar quase um ano presa.

A decisão da 7ª Câmara Criminal do Rio atendeu ao pedido do Ministério Público do Rio e dos advogados do pai da criança, Leniel Borel, que atua como assistente de acusação no processo conduzido pela juíza Elizabeth Louro, do 2º Tribunal do Júri da Capital.
Em abril deste ano, a própria juíza foi a responsável por conceder a substituição da prisão preventiva de Monique por monitoramento eletrônico, além da proibição de contato com terceiros, sob a alegação de que a detenta estava sofrendo ameaças na prisão.

O relator do processo, o desembargador Joaquim Domingos de Almeida Neto, considerou que a determinação da 1ª instância ocorreu sem alvará de soltura e que não houve comprovação das intimidações. Ele citou também que a ré responde por homicídio praticado com tortura, havendo, no caso, violência extremada, sendo um crime hediondo.

No entendimento do desembargador, o fato de Monique estar em local sigiloso não possibilita a fiscalização pelo Ministério Público, assim como dificulta que o Estado possa assegurar a integridade dela. Por medida de segurança, ela agora ficará no batalhão prisional até que sejam apuradas as citadas ameaças.

O magistrado destacou ainda que há uma “quimera jurídica” no caso, por não poder se confundir prisão domiciliar com monitoração eletrônica, em uma situação tida como híbrida.

Ao contrário de Monique, o ex-namorado não obteve o relaxamento da prisão e continua detido no Complexo de Gericinó, zona oeste do Rio. O ex-vereador Dr. Jairinho prestou depoimento no último dia 13 de junho e alegou inocência. Ele foi o último a ser ouvido na fase de instrução e julgamento do caso Henry Borel. O próximo passo deve definir se os réus irão a júri popular.

Procurada, a defesa de Monique Medeiros informou que irá se manifestar após o posicionamento do tribunal.

Relacionadas

Unemat oferece mais de 1,3 mil vagas remanescentes para ingresso no 2º semestre deste ano

A Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) abriu seleção especial para ingresso no segundo semestre letivo de 2024, com 1.378 vagas de cursos...

Paulo José aposta no estímulo à construção civil para manter Rondonópolis no topo da geração de emprego

Geração de emprego e renda será prioridade no plano de governo do pré-candidato a prefeito de Rondonópolis, Paulo José Correia. Para manter o ritmo...

Embriagado, homem foge da PRF, invade preferencial e bate em carro de família

Um grave acidente envolvendo um motorista embriagado e uma família foi registrado na noite deste domingo (23) no Monte Líbano, em Rondonópolis-MT. No carro...

Vídeo mostra adolescente sendo agredido com socos e chutes por três colegas em sala de aula

Um adolescente de 15 anos foi agredido por três colegas durante uma briga em uma escola estadual no município de Nova Mutum-MT. A briga...

Projeto que aumenta pena de feminicídio para até 40 anos avança na Câmara dos Deputados

A Comissão de Segurança Pública da Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (20) um projeto de lei que aumenta a pena por feminicídio para...

Acidente envolvendo carro e bicicleta elétrica deixa jovem de 18 anos ferido na BR-364

Um acidente envolvendo um carro e uma bicicleta elétrica foi registrado na tarde desta sexta-feira (21), na BR-364, em Rondonópolis-MT. O jovem de 18...

Motorista fica ferido após perder o controle da direção e carro cair em vala na Avenida dos Estudantes

Um motorista de 56 anos ficou ferido após um acidente, na Avenida dos Estudantes, na manhã desta terça-feira (18), em Rondonópolis-MT. Conforme informações, o condutor...

Motociclista morre em acidente após bater cabeça e ter ossos do crânio quebrados

Um motociclista identificado Valdecir Barbosa Vieira, 48 anos, morreu após um acidente, no  Distrito Industrial Vetorasso, na noite desta segunda-feira (17), em Rondonópolis-MT. Ele...

Polícia Federal deflagra operação para desarticular grupo criminoso especializado no transporte de cocaína

A Polícia Federal deflagrou nesta segunda-feira (17), em Cuiabá-MT, Cáceres-MT e Juína-MT, a Operação Cognome, com o objetivo de desarticular um grupo criminoso especializado...

Especiais

Últimas

Editoriais

Siga-nos

Mais Lidas