Mais
    Agora MT Editoriais Tem tempo para tudo!
    EDITORIAL

    Tem tempo para tudo!

    FONTE
    VIA

    Imagem: AGORA com Vanzeli Tem tempo para tudo!

    Há pouco, conversava com alguns colegas de trabalho sobre o tempo de nossa infância, entre os que nascemos nas décadas de 1960 e 1970. Incríveis foram as coincidências. Nenhum de nós jamais levou dinheiro à escola a fim de comprar um salgado ou refrigerante no recreio (era como chamava-se o intervalo entre as aulas). Comíamos a merenda que era servida e, vamos combinar, não tinha a sofisticação nutricional de hoje. Em geral, era servida uma sopa, de fubá quase sempre, e quase nunca com carne moída nela.

    Íamos e voltávamos da escola sempre a pé e em grupo. Depois do almoço, lavávamos a louça e saíamos à rua para brincar. Descalços, claro. Ah! Quantas vezes, estourei a ponta do dedão jogando bola na rua e, chegando em casa, tinha que passar o Merthiolate, um antisséptico que ardia tanto que parecia querer tirar a alma do corpo. A gente jogava futebol, jogava peão, jogava “burquinha” (aqui o pessoal conhece por “bolita”), jogava queimada, jogava toda ansiedade fora.

    Apesar de toda dificuldade que nossa geração enfrentou para viver (ou sobreviver), era e ainda é relativamente raro encontrar entre nós pessoas com depressão, síndrome do pânico, crise de ansiedade ou qualquer outra doença mental ou emocional dos tempos modernos. A gente não tinha dinheiro, não tinha telefone em casa, não tinha videogame, não tinha carne todo dia no prato, não tinha ar condicionado. Mas tínhamos o que as pessoas que nasceram de 1990 para cá não têm: tempo!

    Ele passava devagar pra gente. Nós podíamos ouvir o canto dos pássaros, ouvir a música no rádio, ler um bom livro. Tinha tempo para tudo. No mundo de hoje, já percebeu como parece que o tempo está se “abreviando”? Ele parece mais curto. De repente, já é 24 e junho! Metade do ano já se foi e sentimos que foi ontem mesmo o réveillon.

    Isso está acontecendo, em grande medida, graças à internet e à rapidez com que as informações nos chegam por causa dela. Informação demais (e desinformação também) alcança nossos sentidos e intoxicam nosso cérebro. Ao dispendermos tempo demais para processar tudo isso, ficamos sem tempo para os atos devocionais (que será isso?), para a família, para os amigos, para nós mesmos. Não mais agimos; apenas reagimos aos estímulos incontáveis que nos chegam pelo wi-fi (ah, isso eu sei o que é).

    Estamos desgastando nosso cérebro, submetendo-o a níveis incríveis de estresse e cansaço, e ele está respondendo, na verdade gritando: “não aguento mais!”. Daí, adoecemos. A internet não é a causa, por óbvio. Seu mau emprego o é. Hoje, pais dão tablets aos filhos como se fosse chupeta. “Assim ele me deixa descansar um pouco”. Já ouvi muito isso. E já ouvi também “meu filho está dando trabalho na escola” ou “ele não consegue acompanhar o raciocínio junto com os coleguinhas”. A esses pais, recomendo: deixe o cérebro de seus filhos descansar!

    Claro que a criança precisa ter acesso à informação e à tecnologia. Não é a volta ao mundo analógico que prego. Mas um verso da Bíblia pode ajudar com isto: “Há tempo para tudo debaixo do sol”. Criança não pode ter o tempo que quiser. Tem tempo para dormir, para comer, para banhar-se, para ir à escola, para realizar tarefa, para brincar com os amigos, para estar com a família e para usar o tablet, inclusive.

    Se o tempo gasto com a tecnologia “roubar” os demais tempos, aí temos um problema. Tem que haver horário para isto. Impor limites faz parte da educação, certo? Então…

    Relacionadas

    Candidatos à Câmara pelo PSB declaram bens à Justiça; na lista estão R$ 1,3 milhão de Neuma e R$ 105,7 mil de Serys

    Com a confirmação dos candidatos à Câmara Federal pelo PSB de Mato Grosso nestas eleições e a inclusão dos nomes junto Tribunal Superior Eleitoral,...

    Morre aos 84 anos o humorista, escritor e apresentador Jô Soares

    O apresentador e humorista Jô Soares, de 84 anos, morreu na madrugada desta sexta-feira (5). A informação foi publicada nas redes sociais da ex-esposa...

    Disputa entre facções resulta em denúncia contra 17 pessoas

    Dezessete pessoas foram denunciadas pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso, por meio da 2ª Promotoria de Justiça Criminal de Alta Floresta, por...

    Recruta da PM perde parte da mão durante treinamento com granada

    Um recruta da Polícia Militar de Minas Gerais perdeu uma das mãos durante um treinamento do curso de soldados, neste domingo (7), na Academia...

    Evento ‘Expressão de Louvor’ é adiado por causa da chuva

    O Evento 'Expressão de Louvor' e show do cantor Fernandinho que iriam acontecer nesta terça-feira (9) foram adiados devido à chuva que caiu em...

    TCU entrega lista com 6.791 nomes inelegíveis por reprovação de contas

    O presidente em exercício do Tribunal de Contas da União (TCU), ministro Bruno Dantas, entregou hoje (10) ao presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Edson...

    Temperatura começa a cair a partir desta terça-feira em Rondonópolis

    Os próximos três dias prometem ser de temperatura mais amena em Rondonópolis, principalmente durante a noite e pela madrugada. Quem não está preparado, precisará...

    Gestante com mandado de prisão em aberto é presa transportando cocaína

    A Polícia Rodoviária Federal em Barra do Garças realizava diversas abordagens na BR-070, em determinado momento um ônibus foi parado e realizado diversas abordagens...

    Prefeituras farão cadastro para o auxílio taxista

    Tem início hoje (5) e vai até 15 de agosto o novo prazo para que as prefeituras cadastrem taxistas que poderão receber o benefício...

    Especiais

    Últimas

    Editoriais

    Siga-nos

    Mais Lidas