Agora MT Economia Governadores querem mais debate sobre reforma tributária
CHEFES DE EXECUTIVO

Governadores querem mais debate sobre reforma tributária

Fórum de Governadores é um espaço de reunião entre os chefes de Executivo estaduais, para tratar assuntos de interesse comum aos entes federativos

VIA

Imagem: Forum de Goverrnadores Governadores querem mais debate sobre reforma tributária
Fórum de Governadores – Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil

A maior parte dos chefes de Executivo estaduais que participam do Fórum de Governadores, nesta quarta-feira (24) em Brasília, tem uma “avaliação positiva” da proposta de reforma tributária que tramita no Congresso Nacional. O apoio, no entanto, depende ainda da finalização do texto que será apresentado pelo relator da matéria na Câmara dos Deputados, Aguinaldo Ribeiro (PP-PB).Imagem: ebc Governadores querem mais debate sobre reforma tributáriaImagem: ebc Governadores querem mais debate sobre reforma tributária

O Fórum de Governadores é um espaço de reunião entre os chefes de Executivo estaduais, para tratar assuntos de interesse comum aos entes federativos.

Ao deixar o encontro, o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, disse que o tema reforma tributária consumiu boa parte dos debates entre todos os governadores. “A maioria é favorável. É importante deixarmos isso claro”, disse ao ressaltar ser ainda necessário compreender, com maior precisão, os impactos econômicos a serem sentidos nas unidades federativas.

Para tanto, o governador gaúcho considera fundamental que a matéria não avance a toque de caixa pelo Parlamento. Segundo ele, os governadores “não querem uma votação rápida de um texto pouco discutido”, em especial com relação a pontos de preocupação apresentados pelos governadores, como o Imposto sobre Valor Agregado (IVA) e os fundos de participação.

Boa vontade

Sobre os debates feitos durante o fórum, Leite disse que “até o momento há [entre os governadores] mais pontos de convergência do que de divergência”, e que há também “boa vontade do grupo para entender que há de se fazer concessões de parte a parte”, mas que tudo dependerá da União que, segundo ele, tem um histórico de criar contribuições sem dividi-las com os estados.

“Ela [a União] tende a impor despesas aos estados, mas sem contrapartidas. Com isso, nosso olhar é sempre de desconfiança”, complementou.

O governador de Mato Grosso, Mauro Mendes, viu também, entre os governadores, “uma ambiência muito positiva” em relação à reforma tributária. “Vários atores estão conspirando para que haja essa reforma”, disse ao deixar o fórum.

Mendes, no entanto, avalia que a reforma tributária só obterá sucesso se vier acompanhada de uma reforma administrativa. “Se não fizermos uma reforma administrativa para os estados custarem menos para os cidadãos, a esperança com a reforma tributária será ledo engano”, disse.

Apoio conceitual

Segundo o governador do Piauí, Rafael Fonteles, “todos governadores apoiam conceitualmente a reforma tributária”. Porém, no entendimento dele, será melhor avaliá-la em seus detalhes”, o que deverá ser feito nas próximas semanas.

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado, também defendeu uma análise mais minuciosa do texto a ser apresentado. “Não podemos receber um prato feito como se fosse um produto final”, disse. Na avaliação dele, é errado “demonizar o ICMS [Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços], como se [o seu fim] fosse a solução para o Brasil. Não é”, afirmou.

Relacionadas

Senado deve votar nesta terça se posse e porte de qualquer quantidade de droga ilícita é crime

O plenário do Senado começa a votar nesta terça-feira (16) a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) que criminaliza a posse e o porte...

Policial civil é preso após ser flagrado se masturbando perto de crianças em escola

Um investigador da Polícia Civil de 54 anos foi preso após ser flagrado se masturbando dentro de um carro, nesta quinta-feira (11), no bairro...

Sema e Polícia Militar conduzem 13 pessoas à delegacia por pesca em local proibido

Conforme legislação estadual é proibido extrair recursos pesqueiros a 200 metros a jusante e a montante de barragens

Empresário Paulo Backes assume diretório municipal do Republicanos em Rondonópolis

Paulo Backes, jovem empresário no segmento atacadista e distribuidor, que foi empossado Presidente do Sindicato do Comércio Atacadista e Distribuidor de Mato Grosso -...

Estudantes de Guiratinga conhecem estrutura do Sanear que é referência nacional

Os alunos da Escola de Ensino Integral Maria de Lourdes, do município de Guiratinga, tiveram a oportunidade de ampliar seus conhecimentos sobre saneamento básico...

Pedestre fica ferido após ser atropelado por motociclista no Residencial Granville

Um pedestre de 29 anos ficou ferido após ser atropelado por um motociclista enquanto caminhava na rua Alcioneide Galvan Speranza, na manhã deste sábado...

PF deve ir até o fim do mês aos EUA para investigar negociação de joias recebidas por Bolsonaro

A Polícia Federal deve ir ainda neste mês aos Estados Unidos fazer mais investigações que envolvem a negociação de venda de joias recebidas pelo...

Acusados de matar sargento da PM são denunciados pelo Ministério Público 

Quatro pessoas foram denunciadas pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso por homicídio qualificado praticado contra o sargento da Polícia Militar Djalma Aparecido...

Governo vai notificar 3,4 milhões de motoristas que não fizeram exame toxicológico

A Senatran (Secretaria Nacional de Trânsito), do Ministério dos Transportes, vai retomar as notificações aos motoristas habilitados nas categorias C, D ou E que...

Especiais

Últimas

Editoriais

Siga-nos

Mais Lidas