Agora MT Brasil Agência Nacional de Saúde define hoje reajuste dos planos de saúde individuais...
AUMENTO ANUAL

Agência Nacional de Saúde define hoje reajuste dos planos de saúde individuais ou familiares

A estimativa é de reajuste entre 10% e 12%, segundo a projeção da Abramge (Associação Brasileira de Planos de Saúde)

Fonte: R7

Imagem: Medico Agência Nacional de Saúde define hoje reajuste dos planos de saúde individuais ou familiaresA ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) vai definir nesta segunda-feira (12), em reunião da diretoria colegiada, o índice máximo de aumento anual para os planos de saúde individuais e familiares. A estimativa é de reajuste entre 10% e 12%, segundo a projeção da Abramge (Associação Brasileira de Planos de Saúde), com base na metodologia de aumento adotada pela ANS e em cálculo de consultorias.

A medida vai afetar 8,9 milhões de beneficiários de planos individuais e familiares, o que representa 17,6% do total de consumidores de planos de assistência médica no Brasil. O setor atingiu um total de 50.573.160 usuários em abril deste ano, o maior número desde novembro de 2014.

O aumento vai valer para contratos feitos a partir de janeiro de 1999 e poderá ser aplicado pela operadora a partir da data de aniversário da contratação do plano. O percentual será válido entre junho de 2023 e maio de 2024.

No ano passado, a agência autorizou reajuste de 15,5% nos planos de saúde individuais e familiares, o maior índice desde o início da série histórica, em 2000.

Em 2020, os planos ficaram congelados por causa da pandemia de Covid-19. Já em 2021, pela primeira vez, a ANS definiu redução de 8,19% nos valores das mensalidades.

Como funciona o aumento
A ANS explica que o índice de reajuste dos planos individuais ou familiares é determinado pela agência, sendo aprovado em reunião de diretoria colegiada e apreciado pelo Ministério da Fazenda.

“O percentual é o teto para o reajuste. As operadoras podem aplicar índices mais baixos, mas são proibidas de aplicar percentuais mais altos que o definido pela ANS para os planos individuais ou familiares”, afirma a agência reguladora em nota.

Já os planos coletivos com 30 beneficiários ou mais possuem reajuste definido em contrato e estabelecido a partir da relação comercial entre a empresa contratante e a operadora, em que há espaço para negociação entre as partes.

O Idec (Instituto de Defesa do Consumidor) defende a ideia de que os reajustes dos planos coletivos sejam regulados à semelhança dos planos individuais. Para a coordenadora do programa de Saúde do Idec, Ana Carolina Navarrete, o ideal seria que o reajuste fosse regulado para todos os tipos de plano.

“Como a maioria dos contratos coletivos reajusta seus planos com base na sinistralidade e ela, como índice, é pouco clara (cada empresa define de uma forma diferente), isso permite uma ampla liberdade para a operadora, no limite, fazer alteração unilateral do preço, prática vedada pelo Código de Defesa do Consumidor. O ideal seria que as cláusulas de reajuste fossem padronizadas”, afirma a coordenadora.

Impacto
Em maio, a alta dos planos coletivos já impactou a inflação oficial do país. Enquanto o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) foi de 0,23% em maio, o maior impacto e a maior variação vieram do grupo Saúde e cuidados pessoais, com 0,93%. O destaque foi o plano de saúde, que registrou alta de 1,20% no mês.

Nos últimos 12 meses, o acumulado dos convênios chega a 17,48%, enquanto a inflação geral acumula 3,94%.

 

Relacionadas

Homem coloca fogo na casa da ex-namorada com os pais dela e o filho dentro, é preso e confessa crime

Um homem de 26 anos foi preso pela Polícia suspeito de incendiar a casa da ex-namorada enquanto os pais dela e o filho do...

Jovem de 23 anos fica em estado grave e precisa ser entubado após ser baleado pelo próprio pai

Diligências realizadas pelas Delegacias da Polícia Civil de Colniza e de Cotriguaçu descartaram a hipótese de disparo acidental ocorrido contra um jovem de 23...

Polícia cumpre prisões de três envolvidos em sequestro e morte de adolescente de 14 anos que desapareceu em 2023

Policiais da Delegacia de Primavera do Leste cumpriram nesta semana três mandados de prisão contra os responsáveis pelo sequestro e assassinato de um adolescente,...

Polícias Civis de MT e GO desarticulam grupo criminoso atuante em golpes de estelionato

Ação integrada da Polícia Civil de Goiás com apoio da Polícia Civil de Mato Grosso, por meio da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos...

‘Eles que elejam o presidente que quiserem’, afirma Lula sobre eleições na Venezuela

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou, nesta sexta-feira (19), que não vê motivos para brigar com a Venezuela, com a Nicarágua e...

Condenada a 18 anos de prisão pelo crime de tráfico de drogas é presa pela Polícia Civil

Policiais civis de Mato Grosso e do Paraná cumpriram, nesta segunda-feira (22), a prisão de uma mulher procurada por tráfico de drogas e condenada...

Jojo Todynho passa por cirurgia plástica após perder mais de 40 kg

A cantora Jojo Todynho passou por uma cirurgia plástica em um hospital particular do Rio de Janeiro, na madrugada desta terça-feira (16), segundo revelou...

Bradesco, Next e mais: bancos relatam instabilidade após apagão cibernético

Alguns bancos e fintechs no Brasil enfrentaram dificuldades em seus aplicativos nesta sexta-feira (19), após um apagão cibernético que impactou diversas regiões do mundo....

Banco Central faz ajustes para aperfeiçoar segurança do Pix

O Banco Central (BC) divulgou, nesta segunda-feira (22), em Brasília, ajustes para aperfeiçoar os mecanismos de segurança do Pix. As mudanças visando combater fraudes...

Especiais

Últimas

Editoriais

Siga-nos

Mais Lidas