Agora MT Brasil Arthur Lira defende ‘meio-termo’ em proposta sobre taxação de compras internacionais
COMPRAS EM SITES

Arthur Lira defende ‘meio-termo’ em proposta sobre taxação de compras internacionais

Presidente da Câmara esteve reunido com o presidente Lula para buscar um acordo para a matéria em discussão na Casa

Fonte: R7

Imagem: cats 15 Arthur Lira defende ‘meio-termo’ em proposta sobre taxação de compras internacionais
Presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL) – Foto: PABLO VALADARES/CÂMARA DOS DEPUTADOS

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), afirmou nesta terça-feira (28) que é possível buscar um acordo para a proposta que acaba com a isenção de compras internacionais de até US$ 50 (R$ 253). Segundo cálculos do governo, o fim da isenção nesse tipo de compra em sites de e-commerce estrangeiros pode gerar R$ 30 bilhões anuais em arrecadação, ajudando o governo a fechar suas contas, um dos principais desafios enfrentados por Haddad atualmente.

“Estive com Lula tratando desse assunto hoje e ele está conversando com seus ministros para ter um posicionamento, para ter um meio-termo de gradação tanto de alíquota quanto de prazo para que esse setor da indústria e do comércio possam ter um mínimo de condições de competir e manter os empregos. Fazer uma narrativa menor não ajuda”, disse Lira.

A isenção estava gerando insatisfação entre os varejistas brasileiros, que reclamam da concorrência desigual com os produtos importados. A medida foi inserida no projeto de lei que cria o Programa Mover, que prevê benefícios fiscais às montadoras que investirem em tecnologias de baixa emissão de carbono, mas enfrenta resistência de parlamentares.

Segundo o presidente da Câmara, a intenção é que o Mover seja votado ainda nesta terça. Isso porque, inicialmente, o programa foi instituído por meio de uma Medida Provisória que perde a validade na próxima sexta-feira (7 de junho), caso não seja analisada pelo Congresso. Após passar pelos deputados, a proposta ainda precisa ser votado no Senado.

Lira comentou que alguns setores da economia estão “sofrendo” e que a Câmara está tentando corrigir a prática “desleal” no comércio. “Nós queremos prejudicar ninguém. Tem setores, regiões que estão desempregando, porque não aguentam a concorrência que aparentemente não é saudável”, afirmou.

Embora haja a intenção de votar o projeto ainda nesta semana, existe a possibilidade de a taxação das compras internacionais ser retirada do texto do programa e discutida em um projeto de lei separado. Desde que esse assunto foi incluído na proposta, parlamentares contrários à medida têm denunciado que o trecho é um “jabuti” inserido na matéria.

Relacionadas

Correção monetária do FGTS entra na pauta do Supremo nesta quarta-feira

O Supremo Tribunal Federal volta a julgar nesta quarta-feira (12) o processo que discute a correção monetária do Fundo de Garantia do Tempo de...

Força Tática desarticula associação criminosa e apreende entorpecentes durante operação

Seis pessoas foram presas pela equipe de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (RAIO) da 14ª Companhia Independente Força Tática durante a 'Operação Mancha...

Polícia Civil fecha fábrica clandestina de armas de fogo e prende idoso responsável pelo local

Uma fábrica clandestina de armas de fogo e munições artesanais, que abastecia o comércio ilegal de armas, foi fechada pela Polícia Civil, na manhã...

Homem com sinais de embriaguez é preso após importunar e ameaçar passageiros em ônibus

  Um homem com sinais de embriaguez foi preso na tarde desta terça-feira (11) por importunação sexual, perturbação e desacato no município de Jaciara-MT. Ele...

Roubos de gado reduzem 82% em MT nos primeiros meses de 2024

Mato Grosso registrou queda de 82% no índice de roubos de gado entre janeiro e maio de 2024, em relação ao mesmo período de...

Paulo José defende aumento de frota de ônibus e construção de terminais de integração

O pré-candidato a prefeito Paulo José Correia (PSB) defende o aumento da frota de ônibus da Autarquia Municipal do Transporte Coletivo (AMTC) e a...

Polícia Civil recupera veículos furtados e intensifica ações da Operação Compra Segura

A Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos de Cuiabá (Derfva) recuperou três veículos nesta semana em ações realizadas dentro da operação Compra...

Polícia Civil prende quatro envolvidos em assassinato de jovem paulista que trabalhava em MT

A Delegacia da Polícia Civil de Diamantino cumpriu, nesta sexta-feira (14), quatro prisões temporárias contra investigados pelo assassinato e ocultação de cadáver de um...

Governo decide anular leilão que importou 263 mil toneladas de arroz

O governo federal anunciou nesta terça-feira (11) que decidiu anular o leilão realizado na semana passada para a compra de 263 mil toneladas de...

Especiais

Últimas

Editoriais

Siga-nos

Mais Lidas