Agora MT Brasil Devedores têm último fim de semana para aderir ao Desenrola Brasil
RENEGOCIAÇÃO DE DÍVIDAS

Devedores têm último fim de semana para aderir ao Desenrola Brasil

Prazo de adesão à Faixa 1 do programa especial acaba nesta segunda-feira (20); etapa abrange dívidas entre janeiro de 2019 e dezembro de 2022

Imagem: procon desenrola Devedores têm último fim de semana para aderir ao Desenrola Brasil
Dívidas contraídas entre 1º de janeiro de 2019 e 31 de dezembro de 2022 podem ser renegociadas no Desenrola. – Foto: Josi Dias/Setasc-MT

Os devedores de até R$ 20 mil que ganhem até dois salários mínimos ou sejam inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) têm o último fim de semana para renegociarem os débitos no Desenrola Brasil. O prazo de adesão à Faixa 1 do programa especial acaba nesta segunda-feira (20).

Dados do Ministério da Fazenda apontam que, até a semana passada, 14,75 milhões de pessoas já haviam renegociado cerca de R$ 51,7 bilhões em dívidas.

Iniciada em outubro de 2023, a Faixa 1 engloba dívidas que tenham sido negativadas entre janeiro de 2019 e dezembro de 2022 e não podem ultrapassar o valor atualizado de R$ 20 mil cada (valor de cada dívida antes dos descontos do Desenrola).

Por meio do programa, os inadimplentes têm acesso a descontos de, em média, 83% sobre o valor das dívidas. Em algumas situações, segundo o ministério, o abatimento pode ultrapassar 96% do valor devido. Os pagamentos podem ser feitos à vista ou parcelados, sem entrada e em até 60 meses.

Fake news

Na reta final do prazo para renegociação das dívidas, a pasta desmentiu duas fake news que circulam sobre o programa. Uma delas diz que, ao negociar as dívidas pelo Desenrola, o cidadão perde o benefício social. Outra, que a pessoa fica com o nome sujo nos sistemas do Banco Central.

“O Relatório de Empréstimos e Financiamentos do sistema Registrato do Banco Central não é um cadastro restritivo. Ele exibe o “extrato consolidado” das dívidas bancárias, empréstimos e financiamentos, tanto do que está em dia quanto do que está em atraso. Isso permite que o cidadão acompanhe, em um só lugar, todo o seu histórico financeiro e se previna contra golpes”, informa o ministério.

“Assim, as dívidas que forem negociadas no Desenrola para pagamento parcelado vão aparecer no extrato emitido pelo Banco Central, assim como outras dívidas bancárias, para que possam ser acompanhadas somente pelo cidadão. Os bancos não acessam os relatórios das pessoas; eles conseguem ver apenas as informações consolidadas, quando o cidadão autoriza esse acesso”, explica ainda o Ministério da Fazenda.

Entenda

Além de dívidas bancárias como cartão de crédito, também podem ser negociadas contas atrasadas de estabelecimentos de ensino, energia, água, telefonia e comércio varejista. A plataforma do Desenrola permite parcelar a renegociação inclusive com bancos nos quais a pessoa não tenha conta, permitindo escolher o que oferece a melhor taxa na opção de pagamento parcelado.

Para quem tem duas ou mais dívidas, mesmo que com diferentes credores, é possível juntar todos os débitos e fazer uma só negociação, pagando à vista em um único boleto ou Pix ou financiando o valor total no banco de preferência.

Para ter acesso ao Desenrola, é necessário ter uma conta Gov.br. Usuários de todos os tipos de contas – bronze, prata e ouro – podem visualizar as ofertas de negociação e parcelar o pagamento. Caso o cidadão opte por canais parceiros, não há necessidade de uso da conta Gov.br.

Relacionadas

Deputada Janaina Riva reafirma apoio ao pré-candidato Thiago Silva em Rondonópolis

A deputada estadual Janaina Riva (MDB) reafirmou o apoio à pré-candidatura do também deputado estadual Thiago Silva (MDB) na disputa pela Prefeitura de Rondonópolis....

Jovem de 19 anos fica ferido após perder o controle de motocicleta no Anel Viário

Um jovem de 19 anos ficou ferido após perder o controle de uma motocicleta e bater em um meio-fio no Anel Viário, no Parque...

Adolescente de 17 anos é esfaqueado mais de 20 vezes; namorada grávida assistiu cena

Um adolescente de 17 anos foi esfaqueado mais de 20 vezes na noite desta quarta-feira (05) na quitinete onde mora no bairro Santa Lúcia,...

Defesa Civil alerta para novas chuvas no RS nesta semana

A Defesa Civil do Rio Grande do Sul divulgou nesse domingo (9) aviso sobre a possibilidade de novas chuvas no estado entre a próxima...

Homem é preso após furtar bebidas de conveniência em Rondonópolis

Um homem de 21 anos foi preso pela Polícia Militar (PM) suspeito de furtar bebidas de uma conveniência, na noite desta segunda-feira (10), no...

Encontro reúne milhares de pessoas para reforçar apoio ao Thiago Silva

A sede da União Rondonopolitana de Associação de Moradores de Bairros (Uramb) de Rondonópolis foi ocupada por mais de 2 mil pessoas que participaram...

Defesa Civil promove cursos de voluntário e radiocomunicação em desastres em Rondonópolis

A Defesa Civil de Mato Grosso promove, nos dias 18 e 20 de junho, os cursos de radiocomunicação em desastres e de voluntário de...

Inflação acelera pelo segundo mês seguido, com alta dos preços de saúde e habitação

A inflação oficial do país acelerou pelo segundo mês consecutivo e ficou em 0,46% em maio, informou nesta terça-feira (11) o IBGE (Instituto Brasileiro...

PRF apreende carro furtado recheado com maconha em Rondonópolis

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 716 kg de maconha, durante fiscalização de rotina, na manhã desta segunda-feira (10), na BR-163, em Rondonópolis-MT. A...

Especiais

Últimas

Editoriais

Siga-nos

Mais Lidas