Agora MT Brasil Prazo para negociações do Desenrola Brasil termina na próxima segunda-feira (20)
PESSOA FÍSICA

Prazo para negociações do Desenrola Brasil termina na próxima segunda-feira (20)

Etapa abarca dívidas vencidas entre janeiro de 2019 e dezembro de 2022

Imagem: procon desenrola Prazo para negociações do Desenrola Brasil termina na próxima segunda-feira (20)
Dívidas contraídas entre 1º de janeiro de 2019 e 31 de dezembro de 2022 podem ser renegociadas no Desenrola. – Foto: Josi Dias/Setasc-MT

O prazo para renegociar dívidas sob condições do Programa Desenrola Brasil vence na próxima segunda-feira (20) para devedores que se encaixam na Faixa 1. Dados do Ministério da Fazenda apontam que, até a semana passada, 14,75 milhões de pessoas já haviam renegociado cerca de R$ 51,7 bilhões em dívidas.

Iniciada em outubro de 2023, a Faixa 1 contempla pessoas com renda de até dois salários mínimos ou inscritas no CadÚnico. A etapa engloba dívidas que tenham sido negativadas entre janeiro de 2019 e dezembro de 2022 e não podem ultrapassar o valor atualizado de R$ 20 mil cada (valor de cada dívida antes dos descontos do Desenrola).

Por meio do programa, inadimplentes têm acesso a descontos de, em média, 83% sobre o valor das dívidas. Em algumas situações, segundo o ministério, o abatimento pode ultrapassar 96% do valor devido. Os pagamentos podem ser feitos à vista ou parcelados, sem entrada e com até 60 meses para pagar.

Fake news

Nesta reta final do prazo para renegociação das dívidas, a pasta desmentiu duas fake news que circulam sobre o programa. Uma delas diz que, ao negociar as dívidas pelo Desenrola, o cidadão não perde nenhum benefício social. Outra, que a pessoa não fica com o nome sujo nos sistemas do Banco Central.

“O Relatório de Empréstimos e Financiamentos do sistema Registrato do Banco Central não é um cadastro restritivo. Ele exibe o “extrato consolidado” das dívidas bancárias, empréstimos e financiamentos, tanto do que está em dia quanto do que está em atraso. Isso permite que o cidadão acompanhe, em um só lugar, todo o seu histórico financeiro e se previna contra golpes.”

“Assim, as dívidas que forem negociadas no Desenrola para pagamento parcelado vão aparecer no extrato emitido pelo Banco Central, assim como outras dívidas bancárias, para que possam ser acompanhadas somente pelo cidadão. Os bancos não acessam os relatórios das pessoas; eles conseguem ver apenas as informações consolidadas, quando o cidadão autoriza esse acesso.”

Entenda

Além de dívidas bancárias como cartão de crédito, também podem ser negociadas contas atrasadas de estabelecimentos de ensino, energia, água, telefonia e comércio varejista. A plataforma do Desenrola permite parcelar a renegociação inclusive com bancos nos quais a pessoa não tenha conta, permitindo escolher o que oferece a melhor taxa na opção de pagamento parcelado.

Para quem tem duas ou mais dívidas, mesmo que com diferentes credores, é possível juntar todos os débitos e fazer uma só negociação, pagando à vista em um único boleto ou PIX, ou financiando o valor total no banco de preferência.

Para ter acesso ao Desenrola, é necessário ter uma conta Gov.br. Usuários de todos os tipos de contas — bronze, prata e ouro — podem visualizar as ofertas de negociação e parcelar o pagamento. Caso o cidadão opte por canais parceiros, não há necessidade de uso da conta Gov.br

Relacionadas

Motorista é preso em flagrante após atropelar e matar professor de 31 anos

Um jovem de 19 anos foi preso em flagrante suspeito de atropelar e matar um professor identificado como Leandro Ribeiro Padilha, de 31 anos,...

STF suspende novamente julgamento do recurso de Fernando Collor contra condenação

O STF (Supremo Tribunal Federal) suspendeu novamente o julgamento de um recurso apresentado pelo ex-presidente da República Fernando Collor de Mello contra decisão que...

Atuação intensiva da Polícia Civil resulta em 827 prisões nos primeiros cinco meses deste ano

No mês em que comemorou 182 anos de criação, a Polícia Civil de Mato Grosso fortaleceu ainda mais sua atuação investigativa, com 47 operações...

Festrilha 2024 vai movimentar o fim de semana no Casario

Os principais grupos de quadrilha da região vão agitar e trazer a magia das festas juninas para Rondonópolis neste fim de semana na etapa...

Idosa morre atropelada pelo próprio carro em bairro nobre

Uma idosa morreu após ser atropelada pelo próprio carro na rua Aimorés, no bairro Lourdes, em Belo Horizonte, na manhã desta terça-feira (11). Segundo testemunhas,...

Banco de Sangue de Rondonópolis está com estoque baixo e precisa de doações com urgência

O Banco de Sangue Público de Rondonópolis está com o estoque baixo e convoca toda a população para doar sangue. O banco é responsável...

Brasil registra 50 mil casos a mais de violência contra idosos em 2023

As ocorrências de agressões contra idosos tiveram aumento de quase 50 mil casos em 2023 na comparação com o ano anterior. De 2020 a...

‘País precisa crescer e gerar emprego e renda’, diz ministro de Minas e Energia

O ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, afirmou que o país precisa crescer e gerar emprego e renda. A declaração foi dada durante...

Vigilância Sanitária do Estado monitora águas minerais envasadas em MT

A Vigilância Sanitária do Estado, da Secretaria de Saúde de Mato Grosso (SES-MT), deu início ao programa de monitoramento das águas minerais envasadas produzidas...

Especiais

Últimas

Editoriais

Siga-nos

Mais Lidas