Fazendo ouvidos moucos e fingindo que não viu a determinação da Federação Internacional de Futebol (Fifa), o Partido Comunista do Brasil (PCdoB) nem ameaçou um levante contra a determinação que não haverá descontos nos ingressos da Copa 2014.

O PCdoB historicamente sempre trabalhou na defesa da meia-entrada para estudantes em todos os eventos, mas desta vez se calou. A falta de iniciativa do partido pode ser fruto da sua posição dentro do grupo de trabalho que comanda a organização da copa no Brasil.

Como diria o ditado popular, farinha pouca meu pirão primeiro!

Advertisements
Leia também:  Sicredi pode ter a conta da Prefeitura

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.