Internet

“Eu quero muito ficar. Demonstrei garra, dei o meu melhor. Agora aqui na prova do banquinho, o público é que julga” – argumentou o paraquedista Gui Pádua ao ser questionado porque deveria ficar no programa. Mas não ficou. O público julgou, e parece que o julgou mal.

Com 72% dos votos, Gui Pádua, o aparente “vilão de A Fazenda 4”, se é que um reality permite algum vilão, foi eliminado na noite de ontem. Arrependimentos? “Sim”, respondeu o atleta ao apresentador Britto Jr.. “Ter perdido a cabeça em alguns momentos… ter sido ríspido algumas vezes”, atribuindo o seu eventual descontrole ao confinamento.
E Titia, lutando contra a sua depressão, permanece no jogo. “É a chance que eu tenho de mostrar que não sou louca, que sou uma pessoa normal”, alegou a apresentadora Monique Evans que desabou ao perceber que não era ela a eliminada.

Raquel Pacheco, que à tarde confessara à Valesca Popozuda que pela primeira vez estava com vontade de ir-se embora, foi a que mais fez festa pela volta de Titia. O ex-jogador Dinei foi o único que não deu mostras de muita felicidade. Mas ainda assim, deu a sua opinião em relação à saída do paraquedista: “a ficha dele na delegacia é extensa. Ele pegou muito pesado aqui dentro!”.

Leia também:  Resumo de novelas desta quinta-feira (13)

E foi o ex-jogador que Gui Pádua citou quando Britto Jr. perguntou qual dos participantes não merecia ganhar o jogo. Mas o atleta deixou claro que não era pela pessoa do Dinei, mas pelo fato dele já ter tido outras oportunidades de ganhar muito dinheiro na vida. Titia respondeu que, na sua visão, o cantor sertanejo Marlon é quem teria mais possibilidades de ganhar dinheiro “lá fora”, com a sua carreira de cantor e tudo o mais. Por isso, e só por isso, sugeriu que ele não deveria ganhar o prêmio máximo.

Uma grata surpresa foi oferecida aos peões por um dos patrocinadores do programa: a visita do cantor Leonardo. Ao som de “Pense em Mim”, os participantes foram chegando à varanda, onde o cantor estava instalado com alguns músicos para um pequeno show acústico.

Leia também:  O Rico e Lázaro | Nabucodonosor pede que Deus salve a vida de Daniel

“Talismã” e “Entre Tapas e Beijos” não poderiam faltar em seu repertório, nas quais foi acompanhado pelo coro dos peões – especialmente do também cantor Marlon.

Enquanto isso, Gui Pádua e Monique Evans dormiam lá na roça. Mais tarde, Raquel foi até a sacada e contou para Titia sobre a presença de Leonardo na fazenda, o que deixou o atleta transtornado. “Não acredito, meu! Como não chamaram a gente?!” Sentou-se num banquinho, desolado, e começou a cantar outro sucesso de Leonardo, com lágrimas nos olhos: “vou chorar, desculpe, mas eu vou chorar”.

E foi chorando muito que o paraquedista despediu-se mais cedo dos animais da fazenda. “Se eu não voltar, fica com Deus!”, disse ele para as ovelhas. Não estava com pinta de vilão nesse momento. Mas há mesmo ‘vilões’ nessa história?!

Leia também:  Resumo de novelas desta quarta-feira (23)

Quanto à divisão dos famigerados “R$500.000,00” já são outros quinhentos. Ao ser interpelado pelo apresentador Britto Jr. se pretendia mesmo dividir o prêmio como fora combinado, o atleta titubeou e respondeu evasivo: “a gente vai conversar lá fora…”.
Lá dentro permanecem apenas sete participantes, dos quinze que iniciaram esta edição de “A Fazenda”. Para quem o paraquedista está torcendo? “Vou torcer pro Marlon. De todos é o mais equilibrado e o que mais merece”, respondeu o atleta que saiu afirmando que em todos os momentos deu o melhor de si. Não sei se poder-se-ia dizer que o que ele mostrou é o ‘melhor’ de alguém, mas que teve muita garra, isso teve.

Na despedida de Gui Pádua não entrou, mas bem poderia ter entrado um trecho da canção “Grand’Hotel” do Kid Abelha: “se a gente não tivesse feito tanta coisa, se não tivesse dito tanta coisa…se não tivesse exagerado a dose!”

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.