Foto: Ronaldo Teixeira / AGORA MT

Mais de dez caminhoneiros estão parados há dez dias tentando descarregar em uma fábrica de fertilizantes localizada no distrito industrial de Rondonópolis. O representante do Sindicato dos Condutores Autônomos de Campinas e Região, José Aparecido da Silva, conseguiu uma liminar junto a justiça e neste momento a polícia está se deslocando até o local para dar andamento no pedido.

O impasse aconteceu porque os caminhoneiros queriam receber R$ 0,85 por tonelada hora parada e a empresa ofereceu apenas R$ 0,35. Segundo o representante do sindicato o valor previsto por lei é de R$ 1 a tonelada hora, ou seja, a empresa já estaria devendo quase R$ 75 mil por esses caminhões que ficaram parados durantes todos esses dias.

Leia também:  Rondonópolis será sede da 11ª edição da Caravana da Transformação
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.