Foto: Varlei Cordova - AGORA MT

Durante uma coletiva realizada em Rondonópolis o senador Pedro Taques respondeu a várias perguntas da imprensa, entre elas, sobre a Agecopa, duplicação da BR 364 e sobre o seu apoio a candidatos a governo em 2014.

O senador afirmou estar preocupado com a situação da Copa em Cuiabá e até fez um trocadilho com a situação dizendo que a “Copa Mundo em Cuiabá está igual disco voador, todo mundo vê falar, mas ninguém nunca viu”, como é o caso das obras. “Realmente estou temeroso, já que estou vendo muito discurso e pouco trabalho”, comenta.

Em relação a BR 364, Taques, comentou que recebeu na semana passada um documento sobre o projeto da rodovia e que ele apoia a iniciativa. “Temos que transformar a rodovia que hoje é considerada da morte em uma rodovia de esperança. É uma vergonha uma estrada como essa que é tão importante para logística estar nessa situação” alega.

Leia também:  Jacilene deve concorrer à reeleição no Serv Saúde

Ao ser indagado sobre o seu apoio e candidatura ao governo em 2014, o senador disse que não pretende apoiar prefeitos eleitos em 2012 que pretendem usar as prefeituras como “trampolim” para alcançar uma posição no governo. Já em relação a sua reeleição, Taques disse que, por enquanto, quer ser apenas um bom senador.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.