Animais mortos na Chácara Nossa Senhora Aparecida. Foto da assessoria

Reclamações de moradores do Globo Recreio levaram representantes da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (SEMMA) a notificar proprietário de Chácara Nossa Senhora Aparecida por crimes ambientais.

O gerente de fiscalização ambiental, Robson Arruda, explicou que foi localizado na área vários animais mortos, ao céu aberto, próximos a represa e com possibilidade de contaminação do córrego Globinho. “Havia muitos animais mortos em estado de decomposição na chácara, o que causou odor muito forte que incomodou os vizinhos, além da possibilidade de contaminação do Córrego Globinho”,

Robson argumentou que procurou saber a causa o motivo da morte do gado junto ao Instituto de Defesa Agropecuária do Estado de Mato Grosso (Indea), mas foi informado que não há registro de criação bovina na região. O gerente explicou que está preocupado com a possibilidade de comercialização de algum animal doente que pode ter sido consumido pela população.

Leia também:  Feriado de 7 de setembro terá transporte público gratuito para a população

Além da falta de registro dos animais junto ao Indea o proprietário também removeu a mata para criação dos animais sem autorização da SEMMA.

Após a constatação dos fatos o proprietário enterrou as carcaças dos animais, contudo ser responsabilizados pelos outros crimes ambientais.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.