O deputado estadual, Ondanir Bortolini – Nininho (PR-MT), requereu à mesa diretora da Assembleia Legislativa a criação da Frente Parlamentar de Mobilidade Urbana, que tem como objetivo acompanhar e fiscalizar os trabalhos do Governo do Estado, mais precisamente da Secretaria Extraordinária para Assuntos da Copa (Secopa) nas obras de mobilidade urbana para o evento esportivo de 2014.

O projeto para a criação do “Movimento pela Mobilidade” prevê a realização de audiências-públicas em cidades com potencial turístico no Estado e fiscalizar as obras.  Nininho que será coordenador-geral dessa Frente e é presidente da Comissão de Turismo da AL/MT, propõe que o poder Legislativo atue cobrando mais agilidade na execução dos projetos de mobilidade.

Leia também:  Aécio responde nesta terça se renuncia cargo de presidente do PSDB

Enquanto presidente da Comissão de Turismo, o deputado já solicitou aos companheiros de parlamento para que todos contribuam indicando pontos turísticos estaduais que necessitam de investimentos para facilitar o acesso aos turistas. Através da Frente de Mobilidade quer promover um movimento nos municípios mato-grossenses com a finalidade de aplicar o programa de “Mobilidade Urbana” que é um atributo das cidades que visam garantir à facilidade de deslocamento de pessoas.

“Temos que acompanhar as obras e cuidar desse legado que ficará para a sociedade após esse grande evento esportivo”, ressalta o legislador. A iniciativa tem como meta ainda debater as questões urgentes, como adequações de rodoviárias, aeroportos e outras unidades de serviço para locomoção de pessoas.

Leia também:  Empresa agrícola deve ser implantada em Rondonópolis

A proposição de criação da Frente Parlamentar de Mobilidade Urbana está focada nas obras ligadas a acessos e locomoção do cidadão, enquanto a Comissão de Acompanhamento das Obras da Copa do Mundo, presidida pelo deputado Sérgio Ricardo (PR) é mais abrangente e acompanha até obras de estádios e ginásios.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.