No intervalo de sete dias dois ciclistas morreram atropelados em BRs de Mato Grosso, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) alerta sobre os cuidados necessários para evitar fatalidades. A primeira morte ocorreu no dia 17 de março na BR-070 e o último ocorreu neste sábado (24/03) na BR-163.

O inspetor da PRF, Silvio José Barcelos, observou que infelizmente muitos ciclistas são imprudentes e não usam os equipamentos de segurança para transitar nas rodovias, principalmente no período noturno quando a atenção deve ser redobrada.

Dentre os equipamentos de segurança estão às roupas apropriadas, o uso de capacete, óculos e tênis adequando, os ciclistas devem utilizar também materiais refletivos, para ser observado pelos condutores dos veículos a uma distância maior e consigam se desviar.

Leia também:  Número 192 do Samu volta a funcionar normalmente em Rondonópolis

Barcelos reforça que a atenção nas rodovias deve ser mais intensa em comparação as vias urbanas, devido o grande fluxo de veículo pesados que transitam em alta velocidade, o que aumenta o risco de acidente com ciclistas.

O agente da PRF sugere que o ciclista ande no acostamento e na contramão, de forma que possa observar os veículos que vem na direção a pessoa que esta pedalando e assim possa ter tempo de evitar o acidente. E reduzir a possibilidade de ser atropelado.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.