Foto da assessoria

Implantado há um mês, pela Prefeitura de Campo Verde em parceria com o Governo Federal, os serviços de prótese dentária está devolvendo o sorriso para muitos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) do município.

O projeto prótese dentária faz parte do programa denominado “Brasil Sorridente”, coordenado pelo Ministério da Saúde e desenvolvido pela Secretaria Municipal de Saúde, tem por objetivo confeccionar e fornecer aproximadamente 50 próteses dentárias por mês à população que realmente precisa deste serviço.

O programa credenciou 116 novos laboratórios regionais em todo o país e Campo Verde é um deles que já está atendendo toda a região.

Segundo o dentista e especialista em prótese, Guilherme Mantovani, este serviço ajuda a pessoa a melhorar a sua saúde bucal e auto-estima. Mantovani é especialista também em implante, radiologia e estomatologia.

O secretário de Saúde, Wisley Clemente, informa que a pessoa deve procurar sua Unidade Básica de Saúde para ser avaliado por um dentista do Programa Saúde Bucal. “Será analisado se realmente há a necessidade da prótese. Caso haja, o paciente será encaminhado para um especialista em estomatologia que irá conduzir o processo no Centro de Especialidades Médicas”, explicou.

Leia também:  Governador lança neste sábado (27) obras de pavimentação em Guiratinga e Nova Brasilândia

De acordo com Mantovani, são realizados os moldes nos pacientes encaminhados pelas unidades básicas de saúde. “As próteses são de qualidade e as pessoas terão toda assistência necessária, caso precise de ajuste. Este serviço gratuito oferecido pela Prefeitura vai promover mais atenção para com saúde bucal e melhoria na qualidade de vida destas pessoas”, afirmou.

Para a moradora do residencial Cuiabá, Francisca de Souza Santos, (53), esse atendimento é muito bom, ágil e vai ajudá-la a realizar seu sonho. “Fiquei muito feliz porque vou ter uma vida mais digna de agora para frente, pois tinha vergonha do meu sorriso e em breve vou sorrir tranquila e sem receio”, comemorou.

Leia também:  Governo e consórcio devem se manifestar após parecer contrário de MPs sobre acordo de obras do VLT

Dona Francisca contou que essa prótese vai ajudar na alimentação, porque facilita a mastigação dos alimentos e na aparência também. “Estou muito feliz por essa oportunidade que a Prefeitura está me proporcionando”, afirma.

Outra pessoa que saiu do consultório feliz em poder ter uma prótese nova foi o senhor Alício Faustino da Silva (71). Ele conta que procurou o atendimento do programa porque a antiga prótese havia quebrado. “Eu não tinha condições de fazer esse tratamento particular e por isso fiquei com a minha até hoje. Ainda bem que a Prefeitura está nos dando essa oportunidade”, concluiu agradecendo ao prefeito pelo atendimento que recebeu.

Programa Saúde Bucal:

A Prefeitura de Campo Verde tem feito vários investimentos na Saúde de Campo Verde, principalmente na odontologia. Em 2005 o município tinha apenas 16% de cobertura do programa Saúde Bucal. Hoje já ultrapassou os 83%.

Leia também:  MP notifica Estado para fazer campanhas de incentivo a doação de córneas

Atualmente o município conta com sete unidades do Programa Saúde Bucal, além de um odontomóvel que atende a população da zona rural. O veículo está passando por uma reforma do gabinete odontológico e deverá voltar aos atendimentos em até 30 dias. Segundo informações da Secretaria de Saúde, até o mês de julho será inaugurado mais dois novos consultórios odontológico municipal na área rural, um no Santo Antônio da Fartura e outro na Agrovila João Ponce de Arruda.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.