O comandante da Missão de Estabilização da Organização das Nações Unidas (ONU) na Síria, Robert Mood, informou que sua tarefa foi suspensa devido à escalada da violência no país.

Segundo o general norueguês, os mais de 300 observadores internacionais que estão na Síria deixarão de realizar patrulhas porque a crescente violência está impedindo que eles possam circular no país. Mood acrescentou, porém, que os integrantes da missão da ONU permanecerão em suas bases na Síria até que recebam ordens de se retirar.

Advertisements
Leia também:  Professora é presa após assumir assédio contra aluno especial nos EUA

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.