José Aparecido de Souza (19), Rafael Nunes Marques (23), Jerry Anderson Cardoso da Costa (22) e Gilberto Ajala (49) foram encaminhados para a Delegacia Especializada em Roubos e Furtos (DERF), na noite desta quarta-feira (27/06), por suspeita de receptação.

De acordo com a Polícia Civil, José Aparecido tentou vender um ar-condicionado de 2.400 BTUS ao industriário R.P. (47), mas a mercadoria era produto de roubo ou furto e estava instalado na casa de Gilberto Ajala.

A Polícia Civil informou que o senhor N.M.M. (64) e R.P. (47) foram até a Derf e explicaram aos policias que recentemente houve um furto a um canteiro de obras de uma casa e que havia um técnico em condicionadores de ar que tentava consertar um ar-condicionado. Em seguida, o senhor N.M.M. havia falado ao industriário R.P. onde estaria alguns aparelhos instalados e outros que estavam em negociação.

Leia também:  Caminhoneiros têm mais de R$ 2 mil furtados em posto de combustíveis na BR-163

Então, R.P. ligou para José Aparecido e disse ao suspeito que estava interessado em comprar um ar-condicionado. José respondeu que tinha um aparelho de 2.400 BTUS novo. Um encontro foi marcado próximo ao Cais, onde José Aparecido apareceu em um carro Fiat Strada e ao ser abordado pela Polícia Civil, respondeu que o produto não tinha nota fiscal e que havia pego de Rafael Marques. Segundo a polícia, o aparelho estava dentro de um carro Volkswagen Gol de Rafael.

José Aparecido levou os policias até um bar que fica no bairro Jardim Pindorama para falar com Rafael Marques sobre a procedência do ar-condicionado. Rafael respondeu que havia usado uma moto para negociar a venda do aparelho com Jerry da Costa. Para a Polícia Civil, Jerry era o dono de dois aparelhos de ar-condicionado, sendo um de 1.200 BTUS e outro de 2.400 BTUS.

Leia também:  Trio é preso após sequência de crimes na Vila Nova Aurora

A Polícia Civil foi até a casa de Jerry, que confessou ter comprado os aparelhos de uma pessoa que não soube dizer e que estava em um local conhecido como “Pedrinha”. Jerry contou que usou uma moto Honda Titan para o negócio. Os policiais foram até a residência de Gilberto Ajala, onde encontraram três aparelhos dos que foram furtados, sendo dois de 2.400 BTUS e um de 1.200 BTUS, que estavam instalados no local e que foram retirados. Na casa de José Aparecido foi encontrado um ar-condicionado de 1.200 BTUS.

A Polícia Civil informou que na casa de Gilberto foram encontrados uma moto que estava com placa adulterada, materiais que os suspeitos não conseguiram explicar a procedência, assim como11 munições de revólver calibre 22. Os quatro suspeitos foram encaminhados à Derf para prestar esclarecimentos.

Leia também:  Servidor público morre depois de capotar caminhonete em zona rural
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.