O futuro premiê do Japão, Shinzo Abe, dá entrevista nesta terça-feira (18) em Tóquio (Foto: AFP)

O futuro premiê do Japão, Shinzo Abe, cometeu uma gafe ao anunciar na segunda-feira (17) que recebeu uma ligação telefônica do presidente dos Estados Unidos.

Um dia depois da esmagadora vitória do conservador Partido Liberal Democrático (PLD) nas eleições legislativas de domingo, Abe anunciou a um grupo de empresários que recebeu uma ligação de parabéns de Washington.

“Conversei com o presidente Bush… eeh Obama”, disse.

Ao ouvir as risadas, o futuro premiê percebeu a gafe e se corrigiu, mencionando o nome do democrata Barack Obama.

Shinzo Abe foi primeiro-ministro durante um ano, entre 2006 e 2007, quando George W. Bush ocupava a Casa Branca.

Durante a conversa, os dois governantes destacaram a importância dos laços estreitos entre Washington e Tóquio, segundo um porta-voz da Casa Branca.

Leia também:  Em ato de furto bandidos fazem "pausa" para terem relação sexual

Abe e Obama “reafirmaram a importância da aliança nipo-americana, pedra fundamental da paz e da segurança na região”, e “concordaram com a importância de uma cooperação estreita americana e japonesa a respeito dos assuntos regionais e globais”, declarou o porta-voz Jay Carney.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.