Os policiais da delegacia municipal de Sorriso continuam a caça do principal suspeito de assassinar o vereador Elias Maciel (31), morto na última sexta-feira (21/12).

A prisão preventiva do acusado foi decretada pelo judiciário, atendendo pedido do delegado Thiago Damasceno, que conduz as investigações, segundo as informações repassadas a reportagem o acusado tem 22 anos, não estaria trabalhando e reside em Sorriso há muitos anos. “Temos informações que ele já saiu da cidade”, revelou um policial. Ainda segundo o investigador existem mais pistas que não podem ser reveladas para não atrapalhar as investigações. “Podemos afirmar que envolvimento do assassino com a vítima (que era homossexual) foi recente”, acrescentou o policial que pediu para não ter o nome revelado.

Leia também:  Mortes envolvendo motociclistas teve queda de 67% nas BRs-163 e 364

Entre as primeiras informações, um relato de uma vizinha da casa onde o vereador foi morto, foi importante, segundo a testemunha ela ouviu gritos na residência, foi quando ela observou Elias teria pulando a janela, sem roupas.

Ainda segundo a testemunha, logo após a fuga de Elias um homem saiu correndo do local. O vereador levou 15 facadas.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.