Foto: Isac Luz / EGO
Foto: Isac Luz / EGO

Perlla, que está grávida da segunda filha, lançou na tarde desta quinta-feira, 28, seu primeiro CD gospel reunindo a imprensa em um centro de convenções no Cento do Rio. O disco traz o título “A minha vida mudou” e apresenta ao público um repertório com 12 faixas, sendo a maioria compostas por ela e o marido, o produtor musical Cássio Castilhol.

“É muito diferente de gravar no secular. Gravava mole pois sabia que ali era uma coisa mais para mim e para o público mesmo.. Hoje é tudo diferente. O repertório foi todo baseado no que Deus colocou em nossas vidas. Antes de gravar a gente fazia orações e não estávamos sozinhos. Não foi fácil, fiquei nervosa pois estávamos mexendo com almas, com vidas e em primeiro lugar quem nos direciona é Deus”, disse a ex-princesa do funk melody.

Leia também:  Luan Santana revela detalhes de início de namoro com Jade Magalhães

Sobre o seu novo estilo musical e o preparo para esse momento gospel, a cantora comentou: “O pastor da igreja da minha mãe disse que Deus iria mudar muita coisa na minha vida inclusive a minha voz. Ele mudou tudo. Achei que ficou bem diferente e agradeço a Ele por essa mudança. Ficou muito bacana. O espírito santo opera milagres no sobrenatural. Vivia uma vida de R$30 mil por mês e depois dessa minha atitude de mudar cheguei a viver com R$ 500. Nunca faltou nada na minha casa e nem na minha vida. Deus cuidou de tudo.”

Vivendo essa nova fase mais espiritualizada, a cantora “Queridos, o funk não é pecado. Temos o funk gospel. Não é o ritmo, mas a forma como o secular faz suas apologias. Não podemos apagar o passado, mas agora estou numa nova história vivendo com Cristo. Quero levar o meu testemuho para que edifique a vida das pessoas. O funk não era algo que eu gostava. Surgiu como oportunidade para eu gravar. Eu era linda, rica e famosa mas não tinha paz até conhecer Jesus”, comentou.

Leia também:  MC Livinho se defende de críticas a música que fala em 'abusar dessa mina': 'Mimimi'

Apesar de não fazer mais parte do universo do funk, Perlla ainda guarda alguns amigos daquele período: Dos funkeiros, ela ainda fala com Buchecha, MC Leozinho, que são desviados do caminho do Senhor, mas conhecem a palavra também. “A minha hora chegou e daqui a pouco chegará a hora deles também”, disse.

Foto: Isac Luz / EGO
Foto: Isac Luz / EGO
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.