A Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), da Polícia Judiciária Civil, prendeu na noite desta quarta-feira (13.02), um foragido da Justiça do Paraná. O preso Edson José de Almeida, 42, foi condenado a doze anos e dois meses de prisão pela Justiça de Toledo (PR), pelo crime de estelionato.
O foragido estava com mandado de prisão por condenação decretado, em agosto de 2012, pela Justiça do Paraná. Ele foi descoberto pela Polícia Civil após o GCCO receber uma denúncia anônima, enviada dentro de um envelope a Gerência.
O foragido foi condenado por aplicar golpes no Estado do Paraná, entre eles está um de R$ 170 mil. Em Mato Grosso, o acusado responde a processos e foi indiciado pela Polícia Federal pelo crime de empréstimos fraudulentos.
O acusado foi abordado pelos policiais civis do GCCO, em um veículo Audi, na Avenida Getúlio Vargas, em Cuiabá, e encaminhado a Polinter. Na tarde desta quinta-feira (14), o preso será conduzido à sede do GCCO para ser ouvido pelo delegado Gianmarco Paccola Capoani.
Segundo o delegado Gianmarco, os policiais estão checando cinco CPF’s em nome do preso. A Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso aguarda relatório completo da Polícia paranaense.
Em Cuiabá, Edson José de Almeida, era síndico de um condomínio na Miguel Sutil.
Advertisements
Leia também:  Suspeito de agredir, roubar e estuprar garota de programa é preso

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.