Anderson Ferreira e Beatriz Neres venceram a etapa de abertura do 21º SP Open de Biathlon, realizada na manhã deste sábado (13), na Ponta da Praia, em Santos, litoral paulista. Paulista de Barueri, Anderson completou a prova em 30min42seg. Já Bia, que é santista radicada em São Paulo e que corre pelo Pinheiros, completou a prova em 33min28seg. Cerca de 250 atletas confirmaram presença na prova.

Nem a chuva forte que dominou boa parte da prova, nem a ausência dos principais atletas, como Carla Moreno, tirou o brilhantismo da primeira prova desta temporada. “O número de participantes na elite superou todas nossas expectativas, aponta Núbio de Almeida, organizador da prova. “Isso prova o quanto esta competição vem evoluindo ao longo destes 21 anos e se ratificando cada vez mais como celeiro de novos triatletas”, completa.

Leia também:  Seleção masculina de futsal brasileira disputará amistosos em Mato Grosso

O paulistano Matheus de Souza Diniz, do E.C. Pinheiros, dominou a prova de ponta a ponta, mas por descumprir a regra do regulamento que determina que o atleta deve portar sua numeração em todo trajeto da corrida, foi desclassificado. Melhor para Anderson, que vinha logo atrás e conseguiu o título. “Errei no início da natação, mas fui acompanhando o ritmo do líder e tentando tirar a diferença durante o percurso. No fim, fiz uma boa prova”, conta Ferreira

Entre as mulheres, Bia Neres liderou todo o percurso da prova, com pelo menos dois minutos de distância das demais competidoras. “Valeu muito pelo resultado. Na minha primeira prova do ano (Troféu Brasil, em março) fui desclassificada e fiquei com isso engasgado. Me firmei nos treinos, que tem sido bastante intensos e o resultado foi este”, comemora a campeã. Ela não deu certeza se estará em todas as provas do calendário. “Se não houver outras provas no mesmo dia, com certeza estarei aqui. Nasci em Santos e é sempre bom correr aqui”, finaliza.

Leia também:  Corinthians vence o Fluminense de virada e se torna campeão brasileiro pela sétima vez

Novas distâncias – A adoção das distâncias equiparadas às demais competições oficiais para todas as categorias a partir dos 13 anos foi aprovada por todos os competidores. “Isso faz aumentar o nível técnico da prova e também serve de treino para as outras provas de triatlo. Serve para sentir o desempenho. Hoje me senti bem”, avalia o santista Felipe Guedes, segundo colocado na elite masculina.

Resultados 1ª etapa:

Masculino: 1) Anderson Ferreira: 30min42seg – 165 pts; 2) Felipe Guedes: 31min45seg – 147,5 pts; 3) Eduardo Beretta: 31min56seg – 137,5 pts; 4) Ademir Paulino: 33min02seg – 130 pts; 5) José Flávio dos Santos: 34min34seg – 125 pts.

Leia também:  Palmeiras assume a vice-liderança após vencer Grêmio fora de casa

Feminino: 1) Beatriz Neres: 33min28seg – 165 pts; 2) Fabíola Gomes: 35min39seg – 147,5; 3) Gabrielle Nogueira: 38min15seg – 137,5 pts; 4) Giovana Opipari: 40min26seg – 130 pts; 5) Isabella Lima: 44min18seg – 125 pts.

O 21º SP Open de Biathlon é uma realização da NA Sports, com patrocínio e apoio da Prefeitura Municipal de Santos, Porto Seguro, Speedo e Santa Constância. Colaboração Medicaline, Semes, SRCVB, Guarda Municipal, PM, 17ºGB e Aquário Municipal. A promoção é do Jornal A Tribuna e TV Tribuna e Sistema A Tribuna de Comunicação.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.