Foto: Stock Images
Foto: Stock Images

 

Trocar alguns alimentos na hora de fazer as refeições do dia a dia ou diminiur a quantidade de comida ingerida são algumas medidas de quem deseja emagrecer. Mas se você já está fazendo dieta e percebeu que não está perdendo peso, pode ser que você mesmo esteja sabotando o seu emagrecimento. Evitar alguns alimentos com medo de engordar pode prejudicar a sua saúde ao invés de ajudá-la.

De acordo com o nutrólogo André Veinert, é muito comum as pessoas que querem perder peso fazer uso de dietas radicais e, quando não notam o resultado, colocam a culpa nos alimentos.

— Quem decide da noite para o dia mudar o cardápio em busca do corpo perfeito, costuma cometer erros cruciais que podem colocar a saúde em risco — explica.

A mudança de hábito não é uma tarefa fácil, o que exige muito da pessoa para não cair na tentação.

— Antes de iniciar uma dieta é preciso aceitar o seu corpo atual e se comprometer, sendo necessário ter disciplina, além de seguir uma nova rotina. Essa é a maneira certa de começar a se reeducar — afirma o nutrólogo.

Leia também:  Afinal, por que engordamos tanto?

Quem decide fazer uma dieta sem orientação de um profissional tem mais chances de cometer erros que podem prejudicar a saúde. A dieta é algo que deve ser levada a sério e trocar o cardápio sem a conscientização de um médico pode provocar doenças.

— Quem começa uma dieta sem orientação acredita que fazendo jejum tem mais chances de emagrecer rápido. Mas isso não é verdade. Pular uma refeição faz com que você fique com mais fome do que o normal. Com isso, não vai se contentar com pequenas porções e certamente vai querer uma fritura e muito doce de sobremesa para ter a sensação de saciedade — alerta Veinert.

Para evitar que você cometa deslizes na sua dieta, preste atenção nos erros mais comuns:

Leia também:  Em um ano, excesso de peso matou cerca de 4 milhões de pessoas no mundo

Não consumir carboidratos
Algumas pessoas acreditam que comer alimentos fontes de carboidratos, como pão, arroz ou batata após às 18h engorda. Segundo o médico, o que acontece é que à noite o metabolismo tem menor atividade, mas o corpo continua funcionando normalmente. Ou seja, não faz diferença se você consumir carboidrato de dia ou de noite, desde que ele esteja em quantidade adequada.

Pular refeições
Esse é o erro mais comum de quem faz dieta. Pular o café da manhã ou almoço faz com que a pessoa fique com mais fome e na hora de comer ela não vai se contentar com pouca comida. Provavelmente vai optar por frituras ou doces para matar a sua fome, o que coloca a dieta em risco.

Só consumir produtos light e diet
Esses produtos podem ajudar a manter o limite calórico diário, mas não são uma opção saudável. Veinert alerta que eles devem ser consumidos com moderação, além disso, eles não garantem o sucesso da dieta. Dependendo da quantidade de alimento light consumido, ele pode causar problemas sérios de saúde.

Leia também:  Dia Mundial sem Tabaco: cigarro light aumenta risco de câncer

Exagerar no final de semana
Quando chega o final de semana, algumas pessoas abusam e acabam comendo tudo que evitaram na semana inteira. É permitido comer uma pizza ou um churrasco, mas sempre com moderação. Se você abusar, a sua dieta pode ficar comprometida e não ter efeito nenhum sobre o seu peso.

Esquecer de comer proteínas
Por medo de engordar e falta de informação, muitas pessoas trocam os ovos, leites e seus derivados, peixes e outras fontes de proteínas, que são fundamentais para emagrecer com saúde. Segundo o nutrólogo, quem consome proteína na medida certa logo tem a sensação de saciedade, por isso, é importante seguir um cardápio feito por um especialista, assim, mesmo com dieta, a pessoa consegue consumir uma quantidade adequada de proteínas.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.