A fase de ‘lua de mel’ entre a presidente Dilma Rousseff e o empresariado acabou. Preocupados com os rumos da economia e sentindo que suas reivindicações são ignoradas, empresários de diversos setores começaram, nos corredores, a ‘discutir a relação’ com o governo.

Passaram a procurar interlocutores próximos à presidente para reverter o mal-estar. O ex-presidente Lula é o principal “terapeuta” do grupo. Por isso, especulou-se que o empresariado estaria costurando um “volta Lula”.

Advertisements
Leia também:  Vilmar vira o "supersincero" no Solidariedade

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.