Tramita na Câmara Municipal de Rondonópolis, um projeto de lei vindo do Executivo que se aprovado deve amenizar a falta de espaço para guardar os veículos apreendidos em blitz pela cidade. A área discutida no projeto se trata de uma quadra completa na Vila Salmen.

De acordo com o secretário de Governo, Eduardo Duarte, o projeto de lei visa firmar um contrato de concessão de direito real de uso de um terreno para a instalação de um pátio de retenção de veículos removidos ou apreendidos pelo período de dez anos.

“Após a aprovação deste projeto, será feito um edital de licitação para posteriormente a empresa vencedora dar início aos trabalhos. O edital deve sair em breve”, diz Eduardo.

Leia também:  Pátio relembra Alberto e diz que ex-prefeito foi corajoso

Ainda conforme o secretário, a empresa vencedora será responsável pela preservação do veículo. “Quando uma pessoa tem um veículo apreendido, muitas vezes demora-se anos para resgatar de novo, em quanto isso o automóvel fica no relento tomando sol e chuva e ao fazer o resgate o contribuinte paga pelo serviço, então essa é uma alternativa para a falta de espaço e preservação do veículo”, fala.

Com o projeto os órgãos responsáveis poderão voltar a fiscalizar, já que terão um espaço para recolher os veículos apreendidos.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.