Menor apreendido pela Polícia de Primavera - Foto: José Antonio Araújo / AGORA MT
Menor apreendido pela Polícia de Primavera – Foto: José Antonio Araújo / AGORA MT

O Delegado Marcelo Jardim está prestes a concluir as investigações do caso de um assalto registrado na madrugada de domingo (13),  onde um piloto de avião, 30 anos, foi assaltado quando estava em casa por três elementos que de posse de uma arma de fogo rendeu a vítima.

Os criminosos  reviraram toda a residência, em seguida, os ladrões saíram do local levando o piloto em um veículo que pertence a vítima, durante a fuga um dos assaltantes que dirigia o carro por uma estrada vicinal que dá acesso a Vila União acabou perdendo o controle em uma ponte vindo a cair no Rio.

Os três elementos e a vítima conseguiram se salvar, depois o piloto foi obrigado pelos assaltantes a pedir ajuda na estrada, foi quando um veículo Gol passava pelo local e prestou ajuda ao piloto que estava ensanguentado, momento este que os suspeitos aproveitaram e renderam o motorista e mais três moças que estavam no interior do veículo Gol. As vítimas disseram que eram ameaçadas de morte a todo o momento pelos criminosos, “a gente nem podia chorar e nem mesmo conversar, pois eles não deixavam e só falavam em nos matar”,   disse as duas jovens ouvidas na Delegacia nesta segunda-feira (14).

Leia também:  Cliente morre imprensado por carro dentro de mecânica em Rondonópolis

Todas as vítimas foram liberadas no Bairro Novo Horizonte, o piloto e o motorista do gol foram levados ao Pronto Atendimento da cidade com ferimentos causados pelas agressões feitas pelos acusados, o piloto teve que ser transferido para um hospital particular da cidade devido aos ferimentos causados durante o acidente.

Dois suspeitos já foram identificados nesta tarde. Policiais Civis prenderam o jovem Jackson de 18 anos acusado de ter participação no crime e  outro acusado trata-se de um menor de 17 anos. Os dois negam a participação no assalto, mas as vítimas já fizeram o reconhecimento dos mesmos e confirmaram a participação na ação criminosa que por pouco não terminou em morte.

Leia também:  Quatro foragidos da cadeia de Poconé são recapturados

A Polícia recuperou os objetos roubados da casa do piloto, como uma TV  e ainda uma arma que foi aprendida,  uma motocicleta usada pelos criminosos também foi levada pelos policiais civis.

O menor já esteve preso semana passada por porte ilegal de arma, tráfico de drogas e por suspeita de praticar homicídio, Jackson também tem passagens pela Polícia, ele já esteve preso por várias vezes, com drogas e agressão contra um senhor, além de ter destruído parte da sala onde é feito a confecção do boletim de ocorrência da Polícia Militar que fica anexo ao Prédio da Delegacia de Roubos e Furtos, no Bairro Castelândia.

O Delegado agora está em buscas de um terceiro suspeito, as investigações continuam.

Leia também:  Trio é preso por roubar caminhonete e manter família em cativeiro por 4 horas
Arma apreendida com os acusados - Foto: José Antonio Araujo / AGORA MT
Arma apreendida com os acusados – Foto: José Antonio Araujo / AGORA MT

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.