O tempo em que Romain Grosjean fazia jus ao indesejado apelido de “maluco da primeira volta” parece ter sido definitivamente superado. Antes temido pelos pilotos que largavam ao seu lado no grid, o francês da Lotus deu mostras da nova fase em Abu Dhabi, quando arrancou bem e, logo no início da prova, superou Lewis Hamilton e Nico Hulkenberg para subir do sexto para o quarto lugar.

Desde que o companheiro de equipe Kimi Raikkonen anunciou o retorno à Ferrari em 2014, o francês tem demonstrado uma regularidade inédita em sua carreira. Grosjean, que deixou de completar nada menos que sete corridas na temporada passada, emendou três pódios em sequência, na Coreia do Sul, Japão e Índia, e fez uma prova consistente em Yas Marina. O retrospecto recente rendeu elogios por parte do diretor de operações da Lotus, Alan Permane.

Leia também:  Luverdense perde do Inter com gol polêmico no final

– É ótimo que Romain tenha deixado de ser rotulado como o “maluco da primeira volta”, principalmente porque agora ele vem ganhando posições importantes no início das corridas. Em Abu Dhabi, nós estávamos prevendo outro pódio, mas infelizmente as circunstâncias conspiraram contra isso. Mas foi uma ótima corrida para Romain, que pilotou bem para assegurar o quarto lugar – avaliou Permane.

No circuito de Yas Marina, Grosjean ficou a apenas 1s do terceiro colocado, Nico Rosberg, da Mercedes. De qualquer forma, o piloto francês somou 57 pontos nas quatro últimas corridas, e vive a melhor fase da carreira na Fórmula 1. A performance das últimas semanas, que contrasta totalmente com a turbulenta campanha de 2012, também motivou elogios por parte do chefe de equipe da Lotus, Éric Boullier.

Leia também:  Copa do Brasil é a meta de Pesso

– Romain fez uma corrida muito madura, e perder por pouco a oportunidade de cravar seu quarto pódio consecutivo foi apenas uma consequência de problemas pontuais que tivemos em Abu Dhabi. Nós ainda temos muito trabalho a fazer e, se quisermos atingir nossa meta de ficar com o terceiro lugar no Mundial de construtores, nosso foco deve ser voltar ao pódio em Austin – disse Boullier.

A duas etapas para o fim do campeonato, a Lotus ocupa a quarta colocação entre as escuderias, com 297 pontos – 37 a menos que a vice-líder Mercedes e 26 a menos que a Ferrari, terceira colocada. A equipe inglesa, que perdeu Raikkonen para a rival italiana, ainda não confirmou o time titular para 2014, mas já manifestou o desejo de manter Grosjean. Hulkenberg já foi sondado para o lugar de Kimi, mas Pastor Maldonado, da Williams, também está na mira de Enstone.

Leia também:  Ronaldo é ovacionado pela torcida do Real ao participar de jogo de lendas
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.