Foto: reprodução/ assessoria
Foto: reprodução/ assessoria

O presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios, Valdecir Luiz Colle, Chiquinho, reuniu-se nesta sexta-feira (13) com o procurador-geral de Justiça, Paulo Prado, para tratar de ações conjuntas entre as instituições para atender os municípios. A intenção é realizar um trabalho conjunto para viabilizar o atendimento de demandas municipalistas, principalmente na área social. A reunião também contou com a participação da coordenadora jurídica da AMM, Débora Simone Rocha Faria.

O procurador-geral de Justiça lembrou o trabalho desenvolvido em Alto Araguaia, onde o Ministério Público e Judiciário realizam uma ação conjunta com a prefeitura. Mais de 10 projetos são desenvolvidos para atender a sociedade em várias áreas. Por meio da parceria foi reativada uma casa de amparo a menores, são realizadas ações de incentivo à leitura, à preservação de meio ambiente, atividades esportivas, entre outros. Alguns projetos são executados há mais de dois anos.    Além de Alto Araguaia, outros municípios também desenvolvem ações com o apoio do MP e do poder Judiciário.

Leia também:  Governo lança licitação para pavimentação da MT-130 em Paranatinga

O presidente da AMM disse que o Ministério Público é um importante parceiro na execução de projetos de cidadania e de aprimoramento da gestão pública. “A AMM tem interesse em ampliar essa ação aos demais municípios, incentivando a iniciativa que beneficia toda a sociedade”, assinalou.

Chiquinho também salientou que a parceria do MP é muito importante para a gestão municipal por meio do esclarecimento de dúvidas e orientações sobre diversos temas, relacionados à área de saúde, educação, patrimônio público, entre outros.

AMM e MP também pretendem realizar um encontro em parceria no próximo ano para orientar prefeitos em várias áreas, visando promover uma maior aproximação entre membros do MP e os gestores públicos.

Leia também:  Governo dá primeiro passo para concessão do Marechal Rondon e mais 4 aeroportos de MT

 

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.