A CBF sorteou, na manhã desta sexta-feira, em um hotel na Zona Oeste do Rio de Janeiro, os confrontos da primeira fase da Copa do Brasil de 2014. Oitenta clubes estão na fase inicial da disputa, incluindo grandes como Corinthians, Fluminense, Internacional, Palmeiras, Santos, São Paulo e Vasco. Os seis que vão representar o país na Taça Libertadores deste ano (Atlético-MG, Atlético-PR, Botafogo, Cruzeiro, Flamengo e Grêmio) vão entrar já nas oitavas de final, a ser disputada no segundo semestre, quando haverá um novo sorteio.

A Copa do Brasil de 2014 começa no dia 12 de março e tem previsão para terminar em 26 de novembro. A CBF vai divulgar os estádios onde serão realizadas as partidas ainda nesta tarde, através de seu site oficial.

Leia também:  Preparador de goleiros lembra o dia em que Neymar enfrentou o União

Primeiro grande clube a ter o duelo sorteado, o Fluminense estreia na competição contra o Horizonte-CE. O Internacional enfrenta o Remo-PA. O Santos pega o Mixto-MT; o São Paulo, o CSA-AL; e o Palmeiras, o Vilhena-RO. O Corinthians encara o Bahia de Feira de Santana, enquanto o Vasco faz um duelo regional com o Resende. O Coritiba enfrenta o Cene-MS; o Goiás, o Botafogo-PB; o Vitória, o J. Malucelli-SC; e o Bahia, o Villa Nova-MG. O Sport pega o Brasília; e o Náutico, o Sergipe. A Portuguesa pega o Portiguar-RN; e o Criciúma, o Londrina.

Esta foi a primeira vez que o sorteio – apresentado pelo diretor de competições da CBF, Virgilio Elísio – foi transmitido e contou com a presença de poucos dirigentes. O dirigente falou sobre a utilização inédita de um sorteio para a primeira fase da Copa do Brasil e o método, que agrupou as 80 equipes em oito blocos (de A a H) de acordo com a posição no ranking da CBF.

Leia também:  Eurico Miranda é afastado da presidência do Vasco por ser acusado de apoiar vandalismo de torcida

– Resolvemos testar o modelo, e é evidente que podemos detectar alguma imperfeição na arquitetura do processo, mas uma coisa é clara: ela se torna extremamente democrática. Primeiro, ela é do mérito. Para chegar no bloco de A a H, é pelo ranking: o bloco A tem do 1º a 10º; o B do 11º ao 20º, e assim por diante. A segunda parte é o equilíbrio. O bloco A joga com o primeiro grupo dos outros 40 (do 41º ao 50º). Se fossem os extremos, poderia haver problema sério de estádio para receber grandes equipes.

Nas duas primeiras fases, os 40 times melhores no ranking da CBF disputam o segundo jogo em casa e têm a possibilidade de se classificarem diretamente em caso de vitória por dois gols de diferença na primeira partida.

Leia também:  Brasil joga primeira partida do Grand Prix em Cuiabá
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.