O projeto de lei de autoria dos vereadores Rodrigo da Zaeli (PSDB), Ibrahim Zaher (PSD) e Jailton do Peque Pague (PDT), prevê que as futuras empresas a serem instaladas em Rondonópolis, com edificações acima de um mil metros quadrados devam instalar câmaras de segurança na área externa interligadas ao sistema de monitoramento da Prefeitura.

Além dos grandes empreendimentos, a lei também vale para instituições financeiras em geral, joalherias ou empresas que movimentam grandes valores em moeda corrente. A câmera deve ser instalada na parte externa da empresa, onde as imagens fornecidas serão capturadas e apresentadas em tempo real, ficando depois armazenadas no banco de dados. Caso já houver alguma câmera do tipo situada dentro de 300 metros, não será necessário o investimento.

Leia também:  Senado aprova projeto que obriga preso a pagar tornozeleira

De acordo com o vereador Rodrigo da Zaeli, a colocação das câmeras trará mais segurança às empresas e aos usuários. O custo do equipamento chega a 15 mil.

“Para as grandes empresas que se instalam, esse valor [R$ 15 mil] é considerado irrisório. Com a monitoração em tempo real, os colaboradores e clientes ficarão mais seguros”, lembra o vereador.

Os parlamentares acreditam que o projeto que ainda está em tramitação deve ser aprovado na próxima sessão ordinária da Câmara Municipal.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.