Apesar de estar na pauta desta quarta-feira (30) o projeto de antecipação da eleição da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Rondonópolis, que já vem sendo discutida há algum tempo, não será votado na sessão. A alegação do jurídico na Câmara é que este é o último dia para que os vereadores sugiram alguma emenda.

De acordo com o vereador Roni Magnani (PP), na próxima quarta-feira (06) devem acontecer as duas votações obrigatórias, uma em sessão ordinária e outra extraordinária, para que na outra semana aconteça a eleição da Mesa.

Segundo o vereador Lourisvaldo Manoel (Fulô), esta é uma manobra de alguns para que o processo demore a acontecer, mas que da próxima quarta não deve passar.

Leia também:  Grampos ilegais levam Paulo Taques para a cadeia
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.