O coordenador da campanha da presidente Dilma Rousseff em Mato Grosso e presidente estadual do PT, William Sampaio, nega que o empresário Eraí Maggi (PP) também represente no Estado a disputa pela reeleição presidencial, conforme ele tem falado a alguns veículos de comunicação.

William Sampaio esclarece ainda que, além de não coordenar a campanha presidencial, Eraí apoia adversários do candidato do PT ao governo do Estado, médico Lúdio Cabral, o que contraria orientação para coordenadores da disputa presidencial.

“Não procede essa informação de que ele é coordenador. Quem coordena sou eu, até porque a campanha da Dilma em Mato Grosso tem como base a candidatura do Lúdio ao governo do Estado e ele não tem se engajado nesse sentido”, afirma William.

Leia também:  Vereador Thiago Silva defende força tarefa para agilizar regularização fundiária em Rondonópolis

Mesmo considerando importantes as manifestações de apoio em favor da reeleição de Dilma, o presidente do PT pondera que a aliança de Eraí com adversários no Estado prejudica o projeto. O empresário do PP apoia concorrente do PDT a governador que reforça o palanque nacional de Aécio Neves (PSDB) em Mato Grosso e faz críticas ao Governo Federal nas visitas ao interior. “A forma de apoiar a presidente é apoiando o Lúdio e isso nós temos bem claro. Não fazemos jogo duplo”, completa William.

Por onde anda, Lúdio tem levado a campanha da coligação “Amor a Nossa Gente”, formada por PT, PMDB, PR, Pros e PC do B, assim como da presidente Dilma Rousseff.

Leia também:  Vereadores participam de reunião sobre a elaboração do novo Plano Diretor

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.