O presidente da ASSROO, Adilson Moraes e a intérprete e voluntária, Vanusa - Foto: Ronaldo Teixeira / AGORA MT
O presidente da ASSROO, Adilson Moraes e a intérprete e voluntária, Vanusa – Foto: Ronaldo Teixeira / AGORA MT

As pessoas com deficiências auditivas de Rondonópolis e região realizam na manhã de sexta-feira (26), em comemoração ao Dia Nacional do Surdo, uma passeata que tem como intuito chamar a atenção da população para o importante papel do surdo na sociedade. A passeata será iniciada na Praça Brasil, passando pela Prefeitura e finalizando na sede da Associação de Surdos de Rondonópolis (ASSROO).

De acordo com o presidente da ASSROO, Adilson de Moraes, através da intérprete Vanusa Leite, a inclusão das pessoas com deficiência auditiva na sociedade é muito importante. “O ouvinte precisa estar junto com o surdo, é importante que haja uma inclusão social. Ainda há muito preconceito, a gente chega nos lugares e as pessoas olham diferente. É preciso que abram a cabeça e deixem o surdo participar,” destacou.

Leia também:  Saúde faz mutirão no Assentamento Chico Mendes para a prevenção de doenças

Para o presidente o preconceito também acontece dentro da casa do deficiente auditivo. “As famílias ainda escondem o surdo, é preciso abrir a mente, é preciso ‘abrir as mãos’. O surdo pode dirigir, estudar, fazer faculdade, mestrado,” informou Adilson.

Deficientes auditivos de Primavera do Leste, Poxoréu e Pedra Preta também participam da passeata.

Foto: Ronaldo Teixeira / AGORA MT
Deficientes auditivos de Rondonópolis e região – Foto: Ronaldo Teixeira / AGORA MT

Após a caminhada, os participantes vão se reunir na sede da ASSROO onde acontecerão palestras, o evento também contará com a participação do vereadores do município.

O presidente destacou que em 15 anos de criação, a associação só agora conta com uma sede, que ainda sofre com a falta de estrutura física. “São 15 anos de luta, buscando nossos direitos, a gente precisa de uma estrutura física na associação, de equipamentos, ainda há falta de intérpretes para que possam nos ajudar.”

Leia também:  Associação promove 1º campeonato beneficente em Rondonópolis

Um dos objetivos da caminhada é chamar a atenção do poder público, de acordo com Adilson Moraes. Por isso, durante a passeata os deficientes auditivos farão uma parada na Prefeitura Municipal de Rondonópolis, onde esperam  que o prefeito Percival Muniz os recebam e seja informado sobre as necessidades da ASSROO.

Caso haja melhorias, a ASSROO tem como meta ensinar os surdos, já que muitos não possuem escolaridade, preparar com certificações os intérpretes, curso de teatro para os membros, cursos para as famílias sobre a inclusão social, entre outros.

A ASSROO conta com mais de 1.500 membros do município e da região. A sede da Associação de Surdos de Rondonópolis (ASSROO) fica na rua Pio XI, nº 88, no bairro Nossa Senhora do Amparo.

Leia também:  Gás tem reajuste de quase 13% e consumidor deve pagar R$ 95 em Rondonópolis
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.