Aeroporto de Rondonópolis - Foto: Arquivo / AGORA MT
Aeroporto de Rondonópolis – Foto: Arquivo / AGORA MT

O Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT) determinou que sejam suspensos os contratos e qualquer tipo de pagamento a empresa Enseercon Engenharia Ltda, que é responsável pelas obras realizadas no aeroporto de Rondonópolis. A empresa é a mesma que está responsável pelas obras do Parque do Escondidinho, em Rondonópolis, que está parada desde 2012 e a obra do córrego Canivete que também está parada a mais de um ano.
A determinação aconteceu após a cautela assinada no dia 26/09 que suspendeu as obras por irregularidades, como deficiência no projeto básico, superfaturamento de serviços medidos e não executados, que chegam a R$3.912.531,80, e sobrepreço de custos no valor de R$ 3.618.059,77.
O Ministério Público de Contas do Estado (MPC-MT) também se posicional favoravelmente a homologação. Caso a medida seja descumprida, haverá uma multa diária no valor de 50 UPF, equivalente a R$ 2.668,50
A empreiteira venceu a licitação com valor de R$ 20.892.913,14, no mês de janeiro de 2013.

Leia também:  Chuva deixa mais de 45 mil sem energia elétrica em Rondonópolis
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.