Um chapéu que pertenceu ao imperador francês Napoleão Bonaparte foi comprado por 1.884.000 de euros por um colecionador sul-coreano durante um leilão em Fontainebleau, perto de Paris, informou a casa de leilões Osenat, neste domingo (16)

Este chapéu, um dos dezenove autenticados do imperador ainda existentes no mundo, fazia parte da coleção de mil lotes reunidas por Luís II de Mônaco (1870-1949), bisavó do príncipe Albert, conservada no museu de recordações napoleônicas de Mônaco.

O nome do colecionador sul-coreano não foi divulgado pela casa de leilões. O chapéu estava avaliado entre 300 mil e 400 mil euros.

Em 15 anos de reinado, Napoleão usou cerca de 120 chapéus, quase todos fabricados pela Poupard de Paris, segundo o especialista Jean-Claude Dey.

Leia também:  Telejornalismo da Globo recebe duas indicações ao Emmy Internacional 2017

Outras peças raras do imperador devem ser leiloadas, incluindo os ‘troféus’ apreendidos pelas tropas prussianas em Waterloo (luvas, talheres, espada, ordens de cavaleiros…)

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.