O recorde sul-americano indoor, obtido no último sábado, no Meeting Top Perche, na França, está longe de ter saciado o desejo de conquistas de Fabiana Murer. Após o evento na cidade de Nevers, a saltadora já se prepara para a sua próxima competição, o XL Galan, em Estocolmo, na Suécia, dia 19. O objetivo é buscar novas marcas históricas, superiores aos 4,83 metros saltados no último sábado.

– Estou muito contente com o resultado. Fui ganhando confiança ao longo da temporada e consegui encaixar bons saltos em Nevers. Agora tenho alguns dias para descansar e treinar para a próxima prova, que é em Estocolmo. O objetivo é tentar melhorar ainda mais, já que estou me sentindo bem, mas não é fácil, pois isso significa a melhor marca do mundo – disse ela, ouro no Mundial Indoor de 2010, em Doha, com 4,80 metros saltados.

Leia também:  Público reage e evita prejuízo para o União

Fabiana revelou que se preparou para o Meeting Top Perche ao lado de ninguém menos que o saltador francês Renaud Lavillenie, dono do recorde mundial masculino indoor, com 6,16 metros saltados em Donetsk, em 2014. Segundo o brasileira, além do aprimoramento técnico, a convivência com Lavillenie ajudou a motivá-la emocionalmente.

– Ficamos na semana passada na casa do Renaud Lavillenie, que fica em Clemont Ferrand. Foi bom fazer treinos em ambiente diferente e junto com o recordista mundial. Conviver com ele tem sido uma ótima experiência pois ele é uma pessoa muito motivada – disse Fabiana, que agora está em Malmo, na Suécia, onde fica até o XL Galan.

Leia também:  Copa do Brasil é a meta de Pesso
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.