Zilene Leal da Silva fala do comprimento das propostas da policia civil
Assembleia realizada na 1ª Delegacia de Polícia – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

Os investigadores da Polícia Civil de Rondonópolis e Região Sul decidiram em assembleia realizada na manhã desta segunda-feira (02), na 1ª Delegacia de Polícia pela “Operação Cumpra-se a Lei”, para reivindicar os direitos não cumpridos pelo Governo do Estado, com relação a restruturação salarial de 15%.

 Sindicato dos Investigadores da Polícia Civil (Siagescop). Zilene Leal da Silva - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Sindicato dos Investigadores da Polícia Civil (Siagespoc), Zilene Leal da Silva – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

De acordo com a presidente do Sindicato dos Investigadores da Polícia Civil (Siagespoc), Zilene Leal da Silva, com essa decisão na busca da valorização dos Policiais Civis.

“Decisão tomada em repúdio ao governo em não cumprir a lei até o mês de abril. É fazer com que a Polícia Civil mostre a sociedade que é uma polícia de valor. Nossas delegacias estão sem contingentes. Pela lei, um policial não pode trabalhar sozinho no plantão, não pode ficar um só na delegacia. Para conduzir um preso é preciso três policiais, vamos executar o que está na lei e deflagrar outras ações durante esse tempo,” disse a presidente.

Leia também:  Morre aos 71 anos o Doutor Elmo Bertinetti em Rondonópolis

De acordo com a presidente, o sindicato acionou judicialmente o Governo do Estado para que cumpra a lei, caso a decisão seja desfavorável, será deflagrada definitivamente a greve.

A decisão ‘Cumpra-se a lei” ainda  será repassada ao Sindicato dos Investigadores de Mato Grosso (Siagespoc) e só será executada após uma assembleia realizada hoje às 14h, em Cuiabá, onde serão discutidas  as propostas de todos os pólos do sindicato.

“A maioria decide, mas pelo o que eu já fiquei observado a decisão tende a ser assim,” disse a presidente.

Policiais Civis votam e decidem pela "Cumpra-se a Lei" - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Policiais Civis votam e decidem pela “Cumpra-se a Lei” – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.