Representantes do Movimento Negro de Rondonópolis, Secretaria Municipal de Educação e vereadores decidiram de forma conjunta e unânime a implantação do cursinho pré-vestibular MT Vest em parceria do Governo do Estado de Mato Grosso, na cidade. Participaram da reunião, a secretária Ana Carla Muniz, o presidente da Câmara Municipal, Lourisvaldo Manoel de Oliveira (Fulô), vereadores Jailton do Pesque Pague, Adonias Fernandes e os diretores do Movimento Negro, Vinícius Hipólito Resende e Cássio Gomes.

Durante a manhã desta sexta-feira (27), a secretária Ana Carla repassou a proposta do Governo do Estado. Segundo ela, o cursinho tem como meta beneficiar estudantes de baixa renda, será de forma presencial e com metodologia da Fundação Uniselva.

Leia também:  Rondonópolis é notificada para revogar lei que autoriza loteamento em zona rural

Para os diretores do Movimento Negro a proposta vai ao encontro dos objetivos propostos pelo movimento de ser instrumento para que estudantes acessem a universidade e consigam melhor emprego. A contestação a respeito do cursinho on line, segundo eles, era em decorrência da impossibilidade do professor atender as dúvidas dos alunos.

Diante da aprovação da parceria, o município irá oficializar a parceria e enviar um profissional para colaborar com a equipe que trabalho no cursinho pré-vestibular e pleitear mais uma vaga nesta equipe para um integrante do Movimento Negro. A proposta é que o cursinho disponibilize em Rondonópolis 300 vagas para atender estudantes de baixa renda. A administração municipal disponibilizará a infraestrutura para as aulas.

Leia também:  Força Tática recebe Moção de Aplauso em comemoração aos 10 anos do grupamento
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.