Após três anos, a ex-senadora Serys Slhessarenko resolveu se desfilar do PTB, partido este que ela estava desde que deixou o PT. Na época, Serys ingressou no PTB dentro de uma proposta de fortalecimento partidário da legenda, já que a sigla tinha sinalizado uma candidatura própria ao governo do Estado ou ao Senado.

Porém nas eleições de 2014, nada disso ocorreu, o PTB desistiu do projeto e se aliou ao grupo de Pedro Taques (PDT). Essa situação não agradou nada a ex-senadora que apostava participar do último pleito.

“Ingressei no partido e percorri 80 municípios em defesa de um processo de fortalecimento e visando candidatura própria. Foi lamentável a decisão da maioria”, disse Serys que segue sem Partido.

Leia também:  Valtenir se afasta da Câmara e deve se dedicar ao PSB

Um dos partidos que já oficializou convite para abrigar Serys Slheressanko é o Solidariedade (SD). Nos bastidores, outras legendas também assediam a ex-parlamentar como o PPS, PMDB e PDT.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.