O deputado Saturnino Masson (PSDB) vai debater na próxima sexta-feira (12), às 9h, na sede da Associação Comercial e Industrial de Tangará da Serra (ACITS), a construção e implantação do Hospital Regional na cidade. O município, há alguns anos, foi referência de atendimento em saúde. Hoje, mesmo sendo um município pólo do Estado, não tem estrutura suficiente para atender todas as demandas que chegam.

Tangará da Serra possui um Hospital Municipal que dentro das suas limitações realiza atendimentos para pequenas cirurgias, consultas, exames e várias especialidades, como: dermatologia, ortopedia, bucomaxilar, pediatria e outras.

Mato Grosso conta com cinco Hospitais Regionais: Hospital Regional de Alta Floresta Dr. Albert Sabin, Hospital Regional de Cáceres Dr. Antônio Fontes, Hospital Regional de Colíder, Hospital Regional de Rondonópolis Irmã Elza Giovanella e Hospital Regional de Sorriso.

Leia também:  Com mais de 250 mil inscritos, Seduc MT altera data das provas de concurso

Fazem parte do Consórcio Intermunicipal de Saúde da Região do Médio Norte: Arenápolis, Barra do Bugres, Brasnorte, Campo Novo do Parecis, Denise, Nova Marilândia, Nova Olímpia, Porto Estrela, Santo Afonso, Sapezal e Tangará da Serra, que somados possuem uma população de cerca de 250.000 habitantes.

Dados da Secretaria de Estado de Saúde, já foram repassados R$ 47.603.340,78 aos municípios de Mato Grosso referentes às transferências Fundo a Fundo dos meses de outubro e dezembro de 2014 e janeiro a março de 2015. Porém, a desigualdade no acesso ao sistema de saúde é um dos grandes problemas em Mato Grosso.

“O Governador Pedro Taques assumiu o governo encontrou os serviços estaduais de saúde pública em situação caótica, com Hospitais Regionais funcionando em precárias condições, servidores da saúde desmotivados e atrasos nos repasses. Mas, assegurou que a Saúde é prioridade em seu governo e que faria compromisso de implantar o Hospital Regional na Cidade de Tangará da Serra”, declarou o parlamentar.

Leia também:  5ª Edição para Prevenção e Combate a Incêndios Florestais encerram na segunda-feira (11)

Saturnino quer apoio dos parlamentares, da bancada Federal, Prefeitos, vereadores, Secretários Municipais, Conselhos Municipais de Saúde,Entidades, Organizações Não Governamentais e a sociedade em geral, garantindo a participação popular na busca de soluções da saúde pública da região.

“Portanto, se o atendimento de saúde em Tangará da Serra não é suficientemente capaz de absolver toda demanda obviamente esse acúmulo de pacientes é canalizado para outro lugar, no caso Cuiabá”, finalizou.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.