morte na oficina
Local onde ocorreu o crime – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

O mecânico Wesley Almeida Pereira, 29 anos, foi assassinado em uma oficina às margens da BR-364, sentido Rondonópolis a Pedra Preta, na manhã desta quarta-feira (21), em Rondonópolis. De acordo com uma médica do Samu ao menos cinco tiros atingiram a vítima, na região da cabeça e do dorso, que não resistiu e morreu ainda no local.

Conforme informações da Polícia Militar (PM), dois indivíduos em uma motocicleta Titan, chegaram e efetuaram os disparos contra o mecânico. Em seguida, fugiram do local, as últimas informações dão conta que os suspeitos foram vistos próximo ao posto Comboio, na saída para Cuiabá.

Ainda segundo a PM, no local foram encontradas oito cápsulas de pistola 380. O assassinato, segundo a Polícia, teria sido motivado por vingança, já que Weslei teria se apresentado a justiça como sendo um dos envolvidos em um homicídio ocorrido no mês passado. Porém não deu mais detalhes para não atrapalhar as buscas.

Leia também:  Mutirão da Delegacia de Jaciara conclui 394 procedimentos policiais
Mecanico Weslei Almeida Passassinado no local de trabalho. Foto:Varlei Cordova/AGORAMT
Mecânico Weslei Almeida Pereira foi morto com tiros pelas costas – Foto:Varlei Cordova/AGORAMT

ATUALIZADA

Segundo o Boletim de Ocorrência (BO), os suspeitos de cometerem o assassinato é Fernando Franco Dias de 24 anos, mais conhecido como ‘bigode’ e o segundo é um indivíduo tratado como ‘Corró’. A dupla estava de posse de duas pistolas em uma motocicleta preta.

Os acusados são conhecidos da vítima e estavam ameaçando o mecânico há vários dias. Segundo testemunhas o motivo da morte de Weslei é por vingança. A vítima estava envolvida na morte de um rapaz chamado Diego, assassinado na Rodovia do Peixe há alguns dias.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.