O chefe da agência antidrogas da Indonésia propôs construir uma ilha-prisão para condenados por tráfico de drogas. Detalhe: a segurança seria feita por crocodilos.

Foto: Getty Images
Foto: Getty Images

Budi Waseso afirmou que os répteis frequentemente são melhores guardas do que os humanos ─ e não aceitam suborno.

Ele disse que visitaria diferentes partes do arquipélago que forma a Indonésia para achar os melhores crocodilos.

A Indonésia tem algumas das leis mais duras contra o tráfico de drogas do mundo. Em 2013, o país encerrou uma proibição temporária para execuções que durou quatro anos.

Neste ano, dois brasileiros condenados por tráfico de drogas, Marco Archer Cardoso Moreira e Rodrigo Gularte, foram executados por fuzilamento.

Leia também:  Cerca de 376 repórteres sofreram agressões em protestos da Venezuela

“Nós vamos colocar quantos crocodilos pudermos”, disse Waseso ao site de notícias local Tempo.

“Você não pode subornar crocodilos. Não pode convencê-los a deixar os prisioneiros escaparem”.

Foto Reprodução
Foto Reprodução

O plano ainda está em fase inicial e não foram divulgados maiores detalhes.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.